Correio do Minho

Braga, sexta-feira

- +
Escola EB 2,3 de Celeirós homenageia Pedro Seromenho
XXXI Feira do Fumeiro inaugurada em Montalegre

Escola EB 2,3 de Celeirós homenageia Pedro Seromenho

Ponte da Barca vai reabilitar via-sacra no centro histórico

Escola EB 2,3 de Celeirós homenageia Pedro Seromenho

Braga

2021-12-07 às 06h00

José Paulo Silva José Paulo Silva

Escritor e ilustrador é o patrono da biblioteca da Escola que ontem celebrou 25 anos preenchidos com trabalho que vai muito para além das salas de aula.

Citação

Os 25 anos da Escola do 2.º e 3.º Ciclos de Celeirós começaram ontem a ser assinalados com a valorização da biblioteca, “um espaço acarinhado e fundamental para o desenvolvimento de competências dos alunos”, que passa a ter como patrono o escritor e ilustrador Pedro Seromenho.
“Um amigo da escola e da biblioteca”, nas palavras de Célia Simões, directora do Agrupamento de Escolas de Celeirós, Pedro?Seromenho, para lá da homenagem de que foi alvo, repetiu algo que tem vindo a realizar, nos últimos anos, neste e noutros estabelecimentos de ensino: o estímulo à escrita e à leitura, através de um ‘atelier de conto de linha’, desta vez para alunos do 5.º ano de escolaridade.
Após a placa com o seu nome ter sido descerrada à porta da biblioteca escolar, o criador classificou o seu trabalho junto do público infanto-juvenil como uma sementeira para fazer “florescer novos autores”.
“É?para vocês que partilho histórias”, disse Pedro Seromenho aos alunos de Celeirós, relembrando os 16 anos que leva decontacto regular com esta comunidade escolar, iniciado com a apresentação do seu primeiro livro ‘Nascente de Tinta’.
“Tudo o que fizermos pelas literacias e pelo gosto da leitura e da escrita tem sempre impacto positivo na aprendizagem dos alunos”, reconheceu ao CM, a directora do Agrupamento de Escolas de Celeirós, realçando que a biblioteca escolar “é um espaço muito requisitado”.
Convidada da festa dos 25 anos da EB 2,3 de Celeirós, a vereadora da Educação da Câmara Municipal de Braga, Carla Sepúlveda, considerou o reconhecimento a Pedro Seromenho “um momento feliz” e “uma homenagem muito válida”, já que, “é em vida que devemos reconhecer o trabalho de cada um”.
Na festa dos 25 anos da EB2,3 de Celeirós, que se confunde com a Agrupamento de que é sede, Célia Simões destacou também os méritos alcançados nas áreas da educação ambiental, da promoção da saúde, do combate ao ‘bullying’, da promoção dos direitos das crianças ou, mais recentemente, com o desempenho na cooperação com outras escolas (ver caixa).
Um quarto de século passado sobre a criação da EB 2,3 e 21 sobre a constituição do Agrupamento de Escolas de Celeirós, mais de 20 mil crianças e jovens foram formados com o apoio de mais de um milhar de funcionárias e professsores numa comunidade que serve um território de 19 km2, repartido entre oito freguesias.
Para além dos “selos de qualidade” angariadas ao longo dos anos, os resultados obtidos neste Agrupamento de Escolas reflectem-se também nos prémios de mérito e excelência obtidos pelos alunos. Os referentes ao ano lectivo passado, em número recorde de 168, serão brevemente entregues.

Deixa o teu comentário

Banner publicidade

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login Seta perfil

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a Seta menu

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho