Correio do Minho

Braga, quinta-feira

- +
Escola recebe alunos com pavilhão renovado, campo de futebol de 7 e pista de atletismo
UMinho estuda relação entre escrita e sofrimento em estudantes universitários

Escola recebe alunos com pavilhão renovado, campo de futebol de 7 e pista de atletismo

Nico Gaitán à espreita para fazer estreia com a camisola bracarense

Escola recebe alunos com pavilhão renovado, campo de futebol de 7 e pista de atletismo

Alto Minho

2020-09-17 às 23h23

Redacção Redacção

Esforço financeiro do Município atinge 1 milhão de euros

Após semanas de preparativos e reuniões, nos últimos dias também com encarregados de educação, as aulas começam esta sexta feira, 18 de setembro, no Agrupamento de Escolas de Paredes de Coura. A Escola Básica e Secundária recebe os alunos com um Pavilhão Gimnodesportivo completamente renovado, um campo de jogos de futebol de 7 e uma pista de atletismo. Depois da empreitada de requalificação, que renovou e equipou completamente o estabelecimento escolar ultrapassando os dois milhões e meio de euros, a Câmara de Paredes de Coura avançou para a reabilitação dos espaços desportivos da escola, num investimento que rondou os 500 mil euros e contou com o apoio de 250 mil euros através do contrato programa celebrado com o Ministério da Educação.

“Este era um projeto muito acarinhado pela edilidade, que não poupou esforços para garantir aos alunos o conforto e as condições necessárias para a prática desportiva”, explicou o presidente da Câmara, Vitor Paulo Pereira, reconhecendo o significativo esforço financeiro do Município de Paredes de Coura para dotar a comunidade educativa deste importante equipamento: “Nunca perdemos a perspetiva da racionalidade económica dos investimentos, mas os alunos courenses sempre foram a nossa prioridade e, por isso, as famílias que escolhem Paredes de Coura para viver podem contar com instalações escolares dignas e à altura do que os courenses merecem”

Transporte gratuito e 70 Bolsas de Estudo

No campo de jogos exterior, ampliado e reformulado, destaca-se a aplicação de piso multidesportivo para pista de atletismo e a aplicação de relva sintética, balizas para futebol de 7, sistema de rega do campo de jogos e iluminação, entre outros trabalhos, que permitem ao novo equipamento suprir todas as lacunas até agora denotadas pela escola ao nível do desporto escolar.

O esforço financeiro e o trabalho de retaguarda do Município concentrou-se em dar resposta às necessidades mais prementes da comunidade educativa. Vítor Paulo Pereira, presidente da Câmara Municipal, salienta que “este ano, mais do que nunca, é fundamental dar ainda mais atenção à área da Educação”. O autarca adiantou que “o objetivo é que o regresso à escola decorra com segurança e tranquilidade, o que implica um reforço do trabalho de coordenação entre as diversas instituições envolvidas e, sobretudo, entre as escolas e a família”. À escola compete a organização pedagógica e implementação das medidas preconizadas pelo Ministério da Educação e Direção-Geral da Saúde, enquanto ao Município cabe proporcionar a retaguarda e disponibilizar apoio logístico para garantir as melhores condições às famílias e crianças da comunidade. Este apoio passa não só pelas instalações, equipamentos e funcionários, como também pelos transportes que são gratuitos para todos os níveis de ensino e implicam, no presente ano letivo, um investimento estimado de 550 mil euros.

Ampliação do espaço de Recreio Coberto e apoio nas Medidas de Proteção

A instalação de estruturas temporárias para ampliação do espaço de recreio coberto, facilitando a divisão dos alunos em grupos menores, a sinalética de segurança, o material de proteção como dispensadores de desinfetante, tapetes e máquinas de desinfeção dos espaços e o fornecimento de câmaras web para a eventualidade de acompanhamento temporário de aulas à distância fazem parte das medidas levadas a cabo pelo Município em harmonia com os planos de contingência definidos pelas escolas. Mas também a criação de circuitos de transporte adaptados à nova realidade, bem como o apoio às atividades pedagógicas, com o ensino da Música e Movimento, o Inglês e as atividades pedagógicas promovidas pela Caixa de Brinquedos, espaço dedicado às peças Lego que, em Paredes de Coura, são utilizadas como ferramenta pedagógica de apoio às aulas e às atividades do pré-escolar.

Entretanto, já ontem a EPRAMI – Escola Profissional do Alto Minho Interior, com sede em Paredes de Coura, iniciou hoje, quinta-feira, o ano letivo com todas as medidas de segurança, plano de contingência cumprindo as orientações e sobretudo com o empenho e responsabilidade de toda a comunidade educativa.

Num outro âmbito, também cerca de 70 estudantes courenses beneficiam de Bolsas de Estudo para o Ensino Superior atribuídas pelo Município, de forma a ajudar as famílias mais carenciadas a minorar os encargos de ordem financeira no percurso formativo e académico dos seus filhos. Consciente das dificuldades económicas que afetam alguns agregados familiares e que podem constituir obstáculo à continuação dos estudos, o Município dedicou cerca de 20 mil euros para esta rubrica tão importante para a formação dos jovens aqui residentes.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho