Correio do Minho

Braga, sexta-feira

- +
Exposição da Misericórdia de Barcelos apela ao diálogo e à paz no mundo
Maxi Pereira junta-se à equipa técnica de Daniel Sousa no SC Braga

Exposição da Misericórdia de Barcelos apela ao diálogo e à paz no mundo

Alojamento estudantil no Minho reforçado com 89 camas

Exposição da Misericórdia de Barcelos apela ao diálogo e à paz no mundo

Cávado

2024-04-19 às 14h00

Redacção Redacção

Mostra de cerca de 30 Nossas Senhoras está patente até 24 de maio, no auditório da instituição

Citação

Está patente, até 24 de maio, no auditório da Santa Casa da Misericórdia de Barcelos (SCMB), a exposição "Nossa Senhora, o caminho para a Paz", que reúne cerca de três dezenas de Nossas Senhoras.

“Depois da II Guerra Mundial, nunca o mundo esteve, de forma tão perigosa, envolvido em conflitos que já estão a acontecer e outros que, potencialmente, podem acontecer, com consequências imprevisíveis”, considerou o provedor da SCMB, Nuno Reis. Logo depois, o dirigente explicou a relevância institucional de, pela Cultura, sensibilizar para esta realidade: “Uma organização como a Misericórdia, que tem uma missão social a cumprir, vocacionada para o cumprimento das Obras de Misericórdia, para o amor ao próximo, não pode, dentro daquilo que é a sua atividade diária, deixar de ter isto em atenção. Esta é uma forma de consciencializar para o que se passa e o que devia ser uma atitude correta: resolver os problemas pelo diálogo, o encontro pacífico de ideias, e não pela guerra ou a violência”.

No primeiro dia deste ano, na sua mensagem para assinalar o 57.º Dia Mundial da Paz, o Papa Francisco manifestou o desejo de que a Paz reine num mundo hoje “dilacerado por conflitos”, confiando essa prece à Virgem Maria. Na altura, sublinhou o poder da oração para "trazer de volta ao mundo a harmonia de Deus". Assim, o Auditório da Misericórdia de Barcelos acolhe a exposição "Nossa Senhora, o caminho para a Paz", com peças (esculturas, pinturas, estatuetas, cerâmicas, etc.), datadas desde o século XVIII até à atualidade.

O evento está inserido no programa comemorativo do 525.º aniversário da SCMB e acontece no âmbito do Dia Internacional dos Monumentos e Sítios (18 de abril), sob o tema “Catástrofes e conflitos à luz da Carta de Veneza”.

Deixa o teu comentário

Banner publicidade

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login Seta perfil

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a Seta menu

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho