Correio do Minho

Braga, quinta-feira

- +
FC Famalicão: De cara lavada e pronto para voltar a voar muito alto na Liga
Município sensibilizou alunos para o combate à Covid-19

FC Famalicão: De cara lavada e pronto para voltar a voar muito alto na Liga

Distrito de Braga conta mais 5670 desempregados num ano

FC Famalicão: De cara lavada e pronto para voltar a voar muito alto na Liga

Desporto

2020-09-29 às 06h00

Redacção Redacção

FC Famalicão recompôs-se do atropelo na primeira ronda e exibiu agora uma imagem bem mais condizente com o estatuto que se lhe reconhece. Três minutos chegaram para consumar reviravolta.

Não estava tudo mal há uma semana, nem agora o mundo é um mar de rosas para os famalicenses. A verdade é que se respeira bem melhor no seio do conjunto orientado por João Pedro Sousa.
A renovada armada minhota havia entrado com dois pés esquerdos na presente edição da I Liga e só queria apagar essa má imagem deixada no duelo da ronda inaugural com o Benfica.
Ontem, na reabertura do Jamor, mais de meio ano depois, os obstáculos foram muitos e as coisas nem sequer começaram bem, mas isto, já se sabe, é sempre como acaba. E o que é certo é que, no final das contas, os três pontos vieram na bagagem e dão muito jeito para encarar as batalhas que se avizinha com outro ânimo e vontade renovada de fazer mais e mlehor, se possível elevando o nível, aproximando-se do invejável trajecto que no ano passado deixou todos de queixo caído.
Apesar de aparentemente melhor no primeiro tempo, o Famalicão acabou ‘surpreendido’ bem perto do final do primeiro tempo, quando Tiago Esgaio lançou Miguel Cardoso pelo lado direito, com este último a sacar um belo cruzamento, tenso, ao qual o ponta-de-lança Cassiera respondeu com um eficaz golpe de cabeça, a abrir o marcador.
Ainda assim, os da casa não esperava reacção tão forte dos minhotos no início do segundo tempo. Num pontapé de canto, a bola foi mal fastada pela defeza dos azuis e o avançado Del Campo aproveitou para servir Riccieli que só teve de fazer o empate, de forma fácil. Logo de seguida, mau atraso para Phete, Valenzuela interceptou o passe e foi de gás para a baliza, pronto a dar a primeira vitória ao Famalicão no campeonato.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho