Correio do Minho

Braga, sábado

- +
Feira Anual de Santa Catarina voltou às ruas de Celorico de Basto
O Pórtico alia o melhor da tradição minhota à modernidade

Feira Anual de Santa Catarina voltou às ruas de Celorico de Basto

Câmara de Braga quer mais adesões ao plano de mobilidade empresarial

Feira Anual de Santa Catarina voltou às ruas de Celorico de Basto

Vale do Ave

2021-12-03 às 16h15

Redacção Redacção

Foram 4 dias de feira, de 25 a 28 de novembro, o que permitiu a circulação dos visitantes de forma faseada e uma maior segurança de todos. Este ano, e tratando-se de um retomar da iniciativa, o Município decidiu inovar com a Mostra Gastronómica de Santa Catarina.

Citação

Celorico de Basto voltou a viver a tradicional Feira Anual de Santa Catarina depois de um ano de interregno devido à pandemia. Este ano, e verificadas as condições de segurança, o Município realizou a feira com novidades, numa mistura entre a tradição e a inovação.
Foram 4 dias de feira, de 25 a 28 de novembro, o que permitiu a circulação dos visitantes de forma faseada e uma maior segurança de todos. Este ano, e tratando-se de um retomar da iniciativa, o Município decidiu inovar com a Mostra Gastronómica de Santa Catarina.
Para José Peixoto Lima, Presidente da Câmara Municipal, “a Feira anual de Santa Catarina é um evento que está na nossa memória coletiva, é uma feira ancestral, com características muito próprias e que atrai sempre muitos visitantes. Este ano decidimos alargar o período da feira para, principalmente, permitir que todas as pessoas pudessem visitá-la sem a confusão de outrora, mas faseadamente. Vivemos tempos delicados, únicos, e não podemos facilitar”. A feira decorreu como tradicionalmente pela vila acima, com os tradicionais feirantes a promoverem a venda de agasalhos, cobertores, meias, sardinhas, frutos secos, árvores de fruto e muito mais. José Peixoto Lima disse também que “no futuro pretendemos dar uma nova roupagem a esta feira para que continue a ser um ponto de visita obrigatória onde a tradição e inovação se conjuguem na perfeição, mas que não ponha em causa o comércio local e diminua consideravelmente os constrangimentos provocados no trânsito, durante os dias da feira anual”.
No dia 26 de novembro decorreu o concurso pecuário concelhio, onde se evidenciou um reduzido número de exemplares a concurso. “O concurso pecuário será sempre a marca indelével desta feira, e estamos orientados para reforçar o apoio aos produtores para que, quando tudo voltar à normalidade voltarmos a ter muitos participantes” observou o autarca.
A grande novidade desta feira anual de santa Catarina respeita à Mostra Gastronómica, uma iniciativa inovadora que procurou juntar no mesmo recinto os melhores petiscos e o melhor vinho verde acompanhados pela melhor música e animação. Esta iniciativa procurou ser “um prolongar da Feira Anual de Santa Catarina, onde os visitantes pudessem desfrutar de bons petiscos, sobremesas, sopas e excelente vinho verde ao som da melhor música, num convívio salutar entre todos”. Pelo palco da Mostra Gastronómica passaram os Às das Concertinas, os Crua, o Jaimão, os Sirigoça, a Rausstuna, os Amigos das Tainadas, os Farratuga, o Dj Gaiteirinho, e os cantares ao desafio com a dupla Maria Celeste e Carlos Ribeiro.

Deixa o teu comentário

Banner publicidade

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login Seta perfil

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a Seta menu

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho