Correio do Minho

Braga, quarta-feira

- +
Feiras Francas mostram o que de melhor se faz no concelho de Fafe
Fábio Martins melhor avançado do mês da I Liga

Feiras Francas mostram o que de melhor se faz no concelho de Fafe

TUB aumentam passageiros e vendas

Feiras Francas mostram o que  de melhor se faz no concelho de Fafe

Vale do Ave

2019-05-16 às 06h00

Paula Maia Paula Maia

De cariz essencialmente rural, as Feiras Francas apresentam-se como uma montra dos produtores da região. A animação é algo que não vai faltar até domingo, destacando-se o espectáculo de stand up comedy com Hugo Sousa e Miguel 7 Escadas, no sábado.

É com um programa ecléctico que se apresenta mais uma edição das Feiras Francas de Fafe , certame que ontem abriu portas ao público. Até domingo são muitas e variadas as iniciativas que vão ter lugar no?Parque da Cidade que se transforma por estes dias numa verdadeira montra de produtos regionais, que vão desde o artesanato à gastronomia, contando com a presença de mais de 40 expositores.
Como é habitual, não falta neste feira as exposições de máquinas e alfaias agrícolas, de animais, stands de venda automóveis de veículos ligeiros e de ferramentas e utensílios vocacionados para a agricultura, demonstrando que as Feiras Francas tem uma tradição essencialmente rural.
Mas, a edição deste ano traz também algumas novidades, especialmente no que diz respeito ao programa cultural e de animação. Pela primeira vez as Feiras Francas acolhem um espectáculo de stand up comedy com Hugo Sousa e Miguel 7?Estacas, agendado para as 23 horas de sábado.
Também no sábado, a partir das 20 horas, no Pavilhão Multiusos, tem lugar o primeiro encontro internacional do Jogo do Pau que contará com várias escolas nacionais e internacionais.
O Mercado Bio é outra das apostas da autarquia fafense para este certame, que procura dar mais visibilidade à feira de produtos biológicos que decorre no último sábado de cada mês e que reúne produtores locais certificados.
“Este é um certame com uma forte tradição na nossa região” referiu o presidente da câmara de Fafe, explicando também que a autarquia procura, a cada edição, “aprender com o que foi feito no ano anterior, inovando sempre um pouco”.
As principais inovações presentes no cartaz deste ano surgem, segundo o edil, com o objectivo de trazer os jovens às Feiras Francas.
Se a inovação faz crescer ainda mais este certame, a tradição faz dele uma aposta consolidada. Tradição que é consubstanciada com a realização já tradicional Corrida de Cavalos (amanhã) Chega de Bois (hoje, pelas 17 horas); a Feira Rural, com a mostra e venda de produtos de sectores distintos, os divertimentos e os espectáculos musicais.
Uma marca deste certame é o espaço destinado aos jovens - ‘Bou à Xega’ - com actuações de vários Dj’ nacionais e internacionais, conhecidos do público, em todas as noites do programa. “Estão reunidos todos os ingredientes para que os fafenses possam aproveitar o feriado e possam vir desfrutar desta feira”, comenta Raul Cunha.
Em termos musicais, depois do espectáculo de Zé Amaro na noite de ontem, o dia de hoje é essencialmente preenchido pelo XX Festival de Ranchos Folclóricos de Fafe, a partir das 15.30 horas, e a actuação da Arons Show, pelas 22.30 horas.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.