Correio do Minho

Braga, quarta-feira

- +
“Festas de S. José são importante momento de afirmação da identidade concelhia”
FPF debate com associações distritais o futuro das competições seniores

“Festas de S. José são importante momento de afirmação da identidade concelhia”

Matheus (já) é português e sonha em chegar à selecção

“Festas de S. José são importante momento de afirmação da identidade concelhia”

Cávado

2020-02-25 às 06h00

Lurdes Marques Lurdes Marques

De 13 a 22 de Março, a Póvoa de Lanhoso volta a ser palco das Festas de S. José, evento que Avelino Silva descreve como um “importante momento de afirmação da identidade da Póvoa de Lanhoso”.

A primeira Romaria do Minho acontece de 13 a 22 de Março, na Póvoa de Lanhoso. As festas de S. José, promovidas pela Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso, são o principal cartaz turístico do concelho. Por estes dias, exalta-se o orgulho povoense e presta-se devoção ao santo padroeiro, S. José.
Na apresentação do cartaz festivo, na tarde de ontem, o presidente da câmara , Avelino Silva, realçou que “a festa de S. José é a Festa das Festas”, sendo um “importante momento de afirmação da identidade da Póvoa de Lanhoso, daquilo que a diferencia, do ponto de vista cultural, religioso, histórico, desportivo, social e económico”.
Para chegar a todos os gostos e idades, foi preparado um programa abrangente, onde as famílias não foram esquecidas. Nas festas de S. José, alia-se a tradição à modernidade, o profano ao religioso, abarcando diversos públicos e idades.

“Ao apostarmos na componente infantil e em momentos para os jovens, estamos a dar um sinal claro de modernidade e de futuro para estas festas. A junção das tradições do passado com uma oferta cultural que hoje os jovens apreciam, é uma estratégia positiva de envolvimento de toda a comunidade. Da mesma forma que ao realizarmos a segunda Chega de Bois pretendemos não esquecer a componente rural do nosso concelho”, referiu Avelino Silva, realçando que “as Festas do Concelho são dos melhores exemplos do trabalho de parceria entre a Câmara Municipal e as forças vivas da terra, nomeadamente Juntas de Freguesia, Paróquias, associações e colectividades”. O cortejo etnográfico, no dia 15, e a procissão de S. José, no dia 19, são dois bons exemplos do envolvimento de toda a comunidade.

Este ano, o cartaz integra uma novidade, integrando uma peça encenada e representada por povoenses. ‘Caixa Mágica’ é apresentada, no dia 14, a partir das 21.30 horas, nos Paços do Concelho.
Quanto ao programa, o ‘pontapé de saída’ é dado no dia 13 de Março, às 21.30 horas, com o II Encontro de Música Coral e Juvenil, na Igreja de Fontarcada. No sábado, dia 14, destaque para a abertura da exposição do Concurso de Artes Plásticas de S.José (17 horas), e o espectáculo teatral ‘Caixa dos Segredos’ (21.30 horas).

Já no domingo, dia 15, as tradições estão em destaque, com os ‘Cantares do Desafio’, das 14.30 às 18 horas, e o Cortejo Etnográfico, a partir das 15 horas.
Ana Malhoa é a artista em destaque na noite solidária, a favor da Associação de Invisuais, numa actuação que acontece no dia 18 de Março, a grande noite de S. José, a partir das 21.30 horas. A anteceder, a actuação de Rock Luso, num tributo ao rock português.
O principal dia dos festejos acontece na quinta-feira, dia 19 de Março, feriado concelhio. De manhã, no Pontido, as atenções voltam-se para o Concurso Pecuário e a Feira Franca de S. José. Na cartaz religioso, os pontos altos são a Missa Solene (11 horas) e a Majestosa Procissão (16 horas). O principal dia de festa inclui também o concerto de música filarmónica, a partir das 14 horas, com a actuação de duas bandas do concelho: Bombeiros Voluntários e Calvos.

Carolina Deslandes é a grande atracção da ‘Noite da Juventude’, na sexta-feira, dia 22, à qual se junta Tiago Barbosa, X-Tense, Supasquad, Vercetty e SpounProfile.
‘Ruca Mini Show’ é o espectáculo infantil que marca as festas de S. José. Decorre no palco principal, no Pontido, no sábado, dia 21, a partir das 15 horas.
A Chega de Bois foi uma das novidade no ano passado e volta a repetir-se este ano, no domingo, dia 22, às 15 horas, no Pontido. Este ano, as festas encerram com folclore, a partir das 16.30 horas, com a actuação de três ranchos do concelho: Póvoa de Lanhoso, Maria da Fonte, de Fontarcada e Garfe.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho