Correio do Minho

Braga, segunda-feira

- +
“Foram muito profissionais e de um carácter enorme”
Investimento de quatro milhões vai requalificar estradas de Vila Verde

“Foram muito profissionais e de um carácter enorme”

Tipografia Priscos já produziu mais de 34 mil viseiras para instituições

“Foram muito profissionais e de um carácter enorme”

Desporto

2020-02-24 às 06h00

Ricardo Anselmo Ricardo Anselmo

Micael Sequeira enalteceu a atitude dos Guerreiros do Minho, que com pouco tempo de descanso em relação ao jogo frente ao Rangers, deram uma mostra cabal de profissionalismo e alma arsenalista.

Micael Sequeira compareceu na flash-interview logo após o final da partida, para dar conta de que o triunfo alcançado frente aos sadinos não teria qualquer sabor especial em relação a outro qualquer. São apenas mais três pontos e o reforço do terceiro lugar da I Liga, o principal objectivo neste momento. Um dos problemas adjacente a este duelo seria o pouco tempo que distou entre o último jogo, na quinta-feira para a Liga Europa, e este de ontem à noite.
“Em termos de importância esta vitória é igual às outras, e que está também associada ao pouco tempo de recuperação que tivemos. Não tivemos tempo para treinar, preocupámo-nos acima de tudo com a recuperação física e os jogadores tiveram muito profissionalismo e um enorme carácter”, assinalou o técnico-adjunto de Rúben Amorim, rejeitando qualquer tipo de pressão nos jogadores pela vitória que o Sporting - o mais directo adversário - acabara de alcançar minutos antes, frente ao Boavista.

“Estávamos tranquilos, os jogadores não se deixaram influenciar, da mesma forma que as muitas vitórias seguidas não mexeram connosco. É um grupo muito humilde, com um equilíbrio emocional muito grande. O sentimento que nos invade é de orgulho, porque temos um grande grupo”, disse, antes de abordar as alterações no onze inicial.
“Não nos ressentimos das alterações, controlámos o jogo todo, tirando os últimos dez minutos da primeira parte, em que o Vitória de Setúbal nos causou alguns problemas. A vitória é inteiramente justa pelo que fizemos ao longo da partida.”

A terminar, uma nota para a lesão de Sequeira e um apelo para a próxima quarta-feira, Às 17 horas, frente ao Rangers.
“Acreditamos e estamos optimistas de que não o vamos perder por muito tempo, mas se acontecer vamos ter outros jogadores prontos para quarta-feira. O [Pedro] Amador fez uma estreia fantástica. Temos um conjunto de jogadores preparados. Também gostaria de deixar aqui um apelo aos nossos adeptos. É uma hora difícil, mas a cidade tem de se mobilizar. Nós precisamos da presença deles.”

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho