Correio do Minho

Braga, segunda-feira

- +
Fransérgio: “SC Braga joga de igual para igual com todos”
ANIMA Web 2021 na “Rota da Cidadania Global”

Fransérgio: “SC Braga joga de igual para igual com todos”

Lista B ao Conselho Geral apoia recandidatura do actual reitor

Fransérgio: “SC Braga joga de igual para igual com todos”

Desporto

2020-11-27 às 13h00

Ricardo Anselmo Ricardo Anselmo

Fransérgio regressou à competição e apontou um golo que, por minutos, não foi decisivo para a vitória. Paulinho fala em noite “inglória”.

Afastado dos últimos jogos do SC Braga por estar infectado com Covid-19, o médio brasileiro Fransérgio regressou ontem à noite à competição, tendo sido lançado por Carlos Carvalhal no encontro quando estavam decorridos 77 minutos, por troca com Iuri Medeiros.
Depois de algumas dificuldades nos primeiros minutos em campo, Fransérgio foi decisivo em cima dos 90, quando respondeu da melhor forma à arrancada de Galeno, fazendo o 3-2 que, na altura, se pensou que seria o golo da vitória. Assim não foi, mas o médio destacou o facto de a equipa esgrimir argumentos para se bater “de igual para igual” com qualquer adversário”.
“O Sporting Clube de Braga tem vindo a crescer desde a participação na Liga Europa da época passada. Hoje, posso dixer que os Sporting Clube de Braga consegue jogar de igual para igual frente a qualquer equipas”, afirmou, acrescentando.
“Mostrámo-lo hoje [ontem] e noutros jogos e competições”, salientou Fransérgio, que rejeita a ideia de ir jogar à Grécia com o empate no pensamento.
“Queremos conseguir a classificação fora de casa. Queremos os três pontos”, concluiu o centro-campista de 30 anos.
Já Paulinho, que entrou para a história do clube (ver quadro ao lado), lamentou o terceiro golo do Leicester, salientando que custa perder dois pontos daquela forma, depois de a vitória ter estado quase assegurada.
“Isto é futebol, acontece. Infelizmente, sofremos no último minuto. No último jogo, para a Taça, também marcámos nos instantes finais e passámos. Hoje [ontem], foi ao contrário. Temos de saber lidar com isso. É inglório mas não tira o brilhantismo do nosso jogo, nem o foco que já temos para o próximo jogo, que é o de garantir a passagem à próxima fase”, garantiu o atacante de 28 anos.
A terminar, referência ainda para o facto de ser, actualmente o melhor marcador uefeiro da história do SC Braga.
“Com a qualidade do SC Braga e capacidade de atrair jogadores, tal como o Alan foi ultrapassado, eu também acabarei por ser. O SC Braga vai crescer ainda mais e a qualidade dos jogadores será maior no futuro. É saborear enquanto estou na frente”, disse.

Deixa o teu comentário

Últimas Desporto

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho