Correio do Minho

Braga, terça-feira

- +
GNR deteve suspeitos de burlar vários idosos
Pandemia suspende actividade, mas não mata ‘bichinho’ do folclore

GNR deteve suspeitos de burlar vários idosos

‘Amigos de S. Vicente’ querem manter acesso às Fontainhas

Casos do Dia

2010-03-30 às 06h00

Teresa M. Costa Teresa M. Costa

GNR de Barcelos deteve dois alegados burlões. Pai e filho são suspeitos de burlar várias pessoas no concelho de Barcelos, sobretudo idosos.

Dois alegados burlões foram detidos, pela GNR, através do Posto Territorial de Barcelos, recaindo sobre eles suspeitas da prática de várias burlas que tinham como vítimas, sobretudo, idosos.
O duo - ao que tudo indica pai e filho - foi identificado por uma pessoa que tinha sido alvo de tentativa de burla, no concelho de Barcelos.
Essa pessoa alertou a GNR que mobilizou meios para o terreno e acabou por interceptar os dois indivíduos, na passada sexta-feira.

Posteriormente, foi feito o reconhecimento por várias pessoas que foram vítimas de burla, na sequência da actividade continuada do duo no concelho de Barcelos.
Uma das situações mais graves - atendendo ao valor envolvido - aconteceu na freguesia barcelense de Feitos, em Janeiro deste ano.

Três irmãos ficaram sem 72.500 euros que juntaram, ao longo de uma vida, e que entregaram a dois burlões que os abordaram, na qualidade de funcionários da Segurança Social, com a promessa de lhes arranjar a casa.
O modus operandi destes e de outros burlões é semelhante. Neste caso, apresentam-se como funcionários da Segurança Social: um deles bem vestido, de fato, e outro mais casual.

Os dois burlões tentam iludir as pessoas, dirigindo-se sobretudo a idosos, por serem mais vulneráveis.
Uma das burlas mais frequentes é a troca de notas sob o pretexto de que vão sair de circulação, mas há outros esquemas utilizados para iludir as pessoas que devem sempre desconfiar, pedir identificação e, em caso de dúvida, contactar as autoridades.

Só nos primeiros dois meses do ano, no concelho de Barcelos, a GNR registou quatro crimes de burla, nas freguesias de Feitos, Arcozelo, Creixomil e Vila Seca.
Os dois alegados burlões detidos na sexta-feira foram notificados para comparecer, ontem, no Tribunal de Barcelos. Não foi possível apurar se cumpriram a notificação.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho