Correio do Minho

Braga, terça-feira

- +
Guimarães foi uma das 100 cidades escolhidas para a “Missão Cidades” da União Europeia
Partido Os Verdes promoveu caminhada guiada pela Paisagem Protegida das Lagoas de Bertiandos e S. Pedro de Arcos

Guimarães foi uma das 100 cidades escolhidas para a “Missão Cidades” da União Europeia

Vianna: um restaurante com alma de café centenário

Guimarães foi uma das 100 cidades escolhidas para a “Missão Cidades” da União Europeia

Vale do Ave

2022-04-28 às 18h31

Redacção Redacção

Em Portugal, foram selecionadas as cidades de Guimarães, Lisboa e Porto, de entre 362 candidaturas internacionais com vista à neutralidade climática até 2030.

Citação

A cidade de Guimarães integra a lista, hoje divulgada pela Comissão Europeia, das 100 cidades da UE que participarão na Missão para as 100 cidades inteligentes e neutras em termos de clima até 2030, a chamada “Missão das Cidades”. As 100 cidades provêm dos 27 Estados-Membros, com 12 cidades adicionais provenientes de países associados ou com potencial de associação ao Horizonte Europa, o programa de investigação e inovação da UE (2021-2027).

Domingos Bragança, Presidente da Câmara Municipal, regozija-se com a escolha de Guimarães para o “clube restrito” das cidades que estão na vanguarda europeia das políticas de sustentabilidade ambiental. Para o Presidente da Câmara, “o facto de Guimarães ser uma das três cidades portuguesas escolhidas, juntamente com Lisboa e Porto, é um indicador claro de que o caminho iniciado em 2014 da sustentabilidade ambiental foi uma visão certa de que as cidades do futuro não podem ignorar os desafios que as alterações climáticas colocam ao desenvolvimento sustentável e consequente qualidade de vida”. Domingos Bragança destaca o trabalho de todos os envolvidos nos projetos ambientais do concelho, como é o caso da Divisão de Ambiente da CMG, do Laboratório da Paisagem, das Brigadas Verdes, de todas as eco-escolas e eco-freguesias, e de todos os Vimaranenses, que colocam o ambiente no topo das suas preocupações. “Este prémio é para todos eles”, frisou.

As nossas zonas urbanas albergam 75% dos cidadãos da UE. Globalmente, as áreas urbanas consomem mais de 65% da energia do mundo e são responsáveis por mais de 70% das emissões de CO2. É importante que as cidades atuem como ecossistemas de experimentação e inovação com vista à neutralidade climática de toda a UE até 2050. Ursula von der Leyen, Presidente da Comissão, disse: “A transição verde está a chegar a toda a Europa neste momento. Mas há sempre a necessidade de pioneiros que estabeleçam metas ainda mais altas. Essas cidades mostram-nos o caminho para um futuro mais saudável. Vamos apoiá-las nisso! Vamos começar o trabalho hoje.”

A “Missão Cidades” receberá 360 milhões de euros de financiamento do “Horizonte Europa” entre 2022 e 2023, para ações de pesquisa e inovação nos domínios da mobilidade limpa, eficiência energética e planeamento urbano verde, bem como para construir iniciativas conjuntas e intensificar as colaborações em sinergia com outros programas da UE. Os benefícios para as cidades incluem aconselhamento e apoio através de uma Plataforma de Missão dedicada, administrada pela NetZeroCities, mais oportunidades de financiamento e a possibilidade de participar em grandes ações de inovação e projetos-piloto. A Missão também oferece oportunidades de networking, intercâmbio de melhores práticas entre cidades e apoio para envolver os cidadãos na procura de alcançar nos objetivos da Missão.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login Seta perfil

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a Seta menu

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho