Correio do Minho

Braga,

- +
HC Braga trava líder Benfica em jogo emotivo nas Goladas
Mais de 70 presépios interpelam para o Natal

HC Braga trava líder Benfica em jogo emotivo nas Goladas

Escola Básica de Braga Oeste enalteceu mérito escolar

HC Braga trava líder Benfica em jogo emotivo nas Goladas

Desporto

2019-11-21 às 06h00

Ricardo Anselmo Ricardo Anselmo

Equipa bracarense esteve a perder por dois, conseguiu dar a volta, consentiu nova reviravolta e acabou a festejar um precioso empate a 40 segundos do fim (4-4). Emoções fortes até ao fim na noite fria das Goladas.

Um golo do Benfica logo a abrir a primeira parte do desafio e temeu-se que as coisas poderiam descambar para a formação minhota. Não foi assim, o HC Braga reergueu-se — apesar de ter levado novo murro no estômago logo no início do segundo tempo — e conseguiu roubar os primeiro pontos ao líder do campeonato, o Benfica, que terminou o jogo a protestar veementemente contra a equipa de arbitragem, com foco principal no técnico Alejandro Domínguez.

Rui Neto tinha pedido, na antevisão, uma equipa determinada, concentrada, com foco e atitude para poder obter um resultado positivo. Os jogadores cumpriram o plano praticamente à risca. A perder por dois golos no início do segundo tempo (com tentos de Nicolía e Adroher), o HC Braga teve em Bekas o seu dínamo inspirador, que conseguiu empatar a partida em apenas três minutos.

E aqui principiou uma verdadeira montanha-russa de emoções, que se estendeu da pista para as bancadas. Aos 41 minutos, Bekas falhou o hat-trick de livre directo, mas Diogo Rafael, na recarga foi infeliz e fez auto-golo. O pavilhão das Goladas explodiu com a reviravolta, mas a quatro minutos do fim Edu Lamas empatou e em cima dos 49 minutos deixou os encarnados novamente na frente. Aí emergiu o capitão Ângelo Fernandes, que marcou, de penálti, o 4-4, a 40 segundos do fim. Depois, valeu ‘Tino’ Acevedo a parar tudo.

Rui Neto (técnico do HC Braga)
“Foi um grande jogo de hóquei, onde a minha equipa esteve ao nível a que nos habituou. Discutimos o jogo até ao fim contra uma super-equipa como é o Benfica, que está a jogar muito bem. Qualquer uma podia ter ganho, mas acho que o empate é justo, num jogo muito difícil em que ficámos limitados a cinco jogadores. Sabemos que contra equipas com a qualidade do Benfica a mínima distracção... é um golo. A nossa segunda parte é muito boa e estivemos próximos de vencer”.

Ângelo Fernandes (capitão do HC Braga)
“Este empate é dedicado ao nosso treinador, pelo momento difícil por que está a passar [falecimento da mãe] e neste clube temos o hábito de remar para o mesmo lado e ajudar quando alguém está em baixo.”


OC Barcelos vergou FC Porto
Depois de ter ganho no Pavillhão João Rocha ao Sporting, o OC Barcelos voltou ontem a provar que o excelente início de temporada que tem protagonizado não é fruto do acaso. Na recepção ao campeão nacional FC Porto, os barcelenses venceram por 7-4, depois de uma segunda parte fantástica e em que não deram hipóteses aos portistas de voltar à discussão do resultado. Com este triunfo o OC Barcelos está no segundo lugar, a apenas um ponto do líder Benfica.

Resultados 6.ª jornada:
OC Barcelos, 7; FC Porto, 4
Sanjoanense, 2; Sporting, 2
Fisica, 0; Paço d'Arcos, 3
Tigres, 1; Oliveirense, 5
Juv. Viana, 3; Riba d'Ave, 3
Valongo, 4; Turquel, 2
HC Braga, 4; Benfica, 4

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.