Correio do Minho

Braga, quinta-feira

- +
Hélder Baptista com “ambição enorme” no novo projecto do Lank FC Vilaverdense
Circo Social muda vida de adolescentes

Hélder Baptista com “ambição enorme” no novo projecto do Lank FC Vilaverdense

Município de Fafe mantém aposta na segurança rodoviária nas freguesias do concelho

Hélder Baptista com “ambição enorme”  no novo projecto do Lank FC Vilaverdense

Desporto

2020-09-29 às 08h30

Joana Russo Belo Joana Russo Belo

Treinador substitui Hugo Santos, que deixou o clube vilaverdense depois de garantir presença na segunda eliminatória da Taça de Portugal, no sábado. Hélder Baptista assume ambição elevada e meta mínima da II Liga, em três anos.

Ambição enorme no regresso como treinador principal. Hélder Baptista é o novo treinador do Lank FC Vilaverdense, abraçando um novo desafio profissional, depois de, nos últimos anos, ter trabalhado como adjunto na Belenenses SAD e coordenador da formação, e de ter passado pelo Gil Vicente, FC Famalicão e Olhanense no papel de scout.
O treinador substitui no cargo Hugo Santos, que deixou o clube depois de ter garantido presença na segunda eliminatória da Taça de Portugal, no passado sábado.
SAD aposta, assim, num treinador experiente, num discurso consonante com os objectivos da nova administração.
“Parto com uma ambição enorme. Depois de dois projectos na II Liga, no Gil Vicente e mais recentemente na Belenenses SAD, entendi que era altura de voltar a ser treinador principal e voltar a um projecto que acima de tudo tivesse estas características: algo que está a surgir de novo, em que pudesse participar na construção não só de instalações e condições para o desenvolvimento do jovem português, mas que permitirá trabalhar com jovens jogadores portugueses com potencial”, explicou o técnico, destacando a “ambição fortíssima ao nível de dotar o clube e a SAD de infra-estruturas para fazermos um bom trabalho a nível muito elevado”.
Em termos de objectivos competitivos, são claros: “passam por um trabalho que, com a nossa competência e profissionalismo, pode ter a duração de três anos para dotarmos a primeira equipa de campeonatos profissionais, no mínimo, estarmos na II Liga. No imediato, é estarmos presentes na nova competição nova que é a III Liga. Isso significa terminarmos esta primeira fase nos cinco primeiros lugares, se for em primeiro, tanto melhor, porque está desde logo garantido”, rematou.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho