Correio do Minho

Braga, terça-feira

- +
Hospital da Misericórdia de Vila Verde investe em equipamento de última geração na área de cardiologia e pulmonar
Biblioteca digital quer “espelhar” o Minho

Hospital da Misericórdia de Vila Verde investe em equipamento de última geração na área de cardiologia e pulmonar

João Paulo Rebelo pede cautela aos adeptos

Hospital da Misericórdia de Vila Verde investe em equipamento de última geração na área de cardiologia e pulmonar

Cávado

2021-04-13 às 13h13

Redacção Redacção

“Continuamos a investir a pensar no bem-estar dos nossos utentes e doentes. Os tempos não são fáceis mas este equipamento vai permitir que os nossos profissionais tenham melhores condições de trabalho, permitirá testes mais precisos e os nossos doentes tenham maior conforto e maior resposta às suas necessidades”, revela Bento Morais Provedor da Santa Casa de Vila Verde.

O Hospital da Misericórdia de Vila Verde fez mais um investimento na área de cardiologia e pulmonar com a aquisição de uma cabine “Vyntus Body” que é o um sistema de função pulmonar equipado com um sensor ultrassónico.

O Vyntus é capaz, com um design modular que possui uma gama impressionante de recursos. O Vyntus pode crescer ainda mais de acordo com suas necessidades, fornecendo alto desempenho e utilidade. Ele pode até ser expandido para medir também testes de exercício cardiopulmonar com o mesmo módulo. É um equipamento que torna os seus testes mais precisos, menos intrusivos e menos dolorosos para os doentes. Espirometrias são as provas mais conhecidas que este equipamento permite fazer com maior precisão, mas há diversos exames e provas que podem ser executadas.

“Continuamos a investir a pensar no bem-estar dos nossos utentes e doentes. Os tempos não são fáceis mas este equipamento vai permitir que os nossos profissionais tenham melhores condições de trabalho, permitirá testes mais precisos e os nossos doentes tenham maior conforto e maior resposta às suas necessidades”, revela Bento Morais Provedor da Santa Casa de Vila Verde.

Este equipamento vem complementar o investimento contínuo do hospital da misericórdia de Vila Verde em diversas áreas.

O provedor Bento Morais adianta que este é um investimento “a pensar no bem-estar dos doentes e na sua saúde tal como da equipa, este equipamento foi devidamente testado e com provas dadas. Nesta fase de pandemia Covid-19 este será um equipamento crucial na detecção de problemas pulmonares e respiratórios dos nossos doentes”.

O hospital da Misericórdia de Vila Verde ao contrário do primeiro confinamento em março de 2020 está neste momento a trabalhar em pleno e o laboratório a fazer testes de deteção da Covid-19 para “ajudar a um rastreio mais rápido e ajudar na mitigação da pandemia”, avança o provedor Bento Morais.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho