Correio do Minho

Braga, terça-feira

- +
Intervenções no Mosteiro de Tibães vão melhorar a visitação ao espaço
Guimarães adquire espólio com mais de seis mil fotogramas

Intervenções no Mosteiro de Tibães vão melhorar a visitação ao espaço

Carro cai a ravina e provoca um ferido

Intervenções no Mosteiro de Tibães vão melhorar a visitação ao espaço

Braga

2021-01-21 às 06h00

Marta Amaral Caldeira Marta Amaral Caldeira

A Direcção Regional de Cultura do Norte investiu 80 mil euros em duas intervenções que vão ser levadas a cabo no Mosteiro de Tibães e que visam melhorar as condições de visitação ao património.

O Mosteiro de Tibães está a receber obras de melhoria com vista à preservação do património bracarense. São cerca de 80 mil euros que estão a ser investidos pela Direcção Regional da Cultura do Norte (DRCN), com vista à recuperação dos muros da cerca e reabilitação da Capela do escadório e à execução e instalação da sinalética interpretativa e informativa.
“A execução deste trabalho dignificará as condições de visita ao Mosteiro de Tibães e contribuirá para um melhor conhecimento e fruição desta tipologia monástica”, refere fonte da DRCN, em nota enviada à imprensa.
As intervenções deverão estar concluídas dentro de três meses e estão a ser levadas a cabo no âmbito da Operação Mosteiros a Norte, promovida pela DRCN e cofinanciada pelo Programa Operacional Norte 2020.
A primeira intervenção visa a recuperação de elementos estruturais dos muros da cerca do Mosteiro que apresentem troços em derrocada, de alguns muros do escadório da Rua das Fontes que se encontram em situação instável e a reabilita- ção da cobertura da Capela de S. Bento.
Já a segunda intervenção prevê a execução e instalação de elementos de sinalética informativos, interpretativos e direccionais para os diferentes espaços do Mosteiro de Tibães, incluindo a área afecta à hospedaria.
Estas acções fazem parte da Operação Mosteiros a Norte, um projecto que tem como objectivo dar continuidade às intervenções de consolidação do edificado já anteriormente realizadas nos mosteiros de Arouca, Grijó, Rendufe, Tibães, Pombeiro e Vilar de Frades.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho