Correio do Minho

Braga, sexta-feira

- +
José Manuel Fernandes: “Dinheiro não falta, mas atrasos comprometem”
Mimos para o primeiro doce do ano

José Manuel Fernandes: “Dinheiro não falta, mas atrasos comprometem”

Símbolos do amor de Cristo chegam a Vila Verde em pleno Mês do Romance

José Manuel Fernandes: “Dinheiro não falta, mas atrasos comprometem”

Economia

2022-11-26 às 06h00

Redacção Redacção

Eurodeputado José Manuel Fernandes alertou, em jantar-debate com empresários, contra o excesso de regulamentação no acesso aos novos fundos comunitários.

Citação

“Há pouca informação e excesso de burocracia que continuam a provocar processos longos e desgastantes que não favorecem o ritmo do mundo empresarial”, denunciou o presidente da Associação Empresarial do Vale do Homem (AEVH), José Manuel Lopes, anteontem, em Vila Verde, na conferência ‘Economia - Portugal 2030’.
Cerca de uma centena de empresários dos concelhos de Amares, Terras de Bouro e Vila Verde ouviram o líder da AEVH defender o acesso a fundos do Programa Portugal 2030 e do PRR “que permitam alavancar o tecido empresarial da região”.
O presidente da associação que representa mais de meio milhar de empresas constatou que o Norte “tem um tecido empresarial dinâmico e resiliente, mas não pode continuar entregue à sua sorte. Quem cria riqueza deve contar com um Estado atento e ágil, sobretudo nestes momentos de grande incerteza”.

O líder da AEVH acentuou a “teia burocrática” de “regras e regrinhas” que está a atrasar a execução do PRR’, nomeadamente ao nível dos fundos destinados à capitalização empresarial.
Na conferência da AEVH, o eurodeputado José Manuel Fernandes alegou que o Portugal 2020 não está encerrado, faltando executar 5,5 milhões de euros e que o Portugal 2030, no valor de 23 mil milhões de euros, “já devia estar a ser executado, sendo que o PRR “está à espera de simplificação da gestão e alinhamento dos objectivos das enti-dades e pessoas responsáveis pelo programa em Portugal”.
Segundo o eurodeputado, “a boa notícia é que não falta dinheiro”, mas o problema é que o calendário aperta e a burocracia é mais que muita. José Manuel Fernandes assinalou que “esta é uma fase de intervir na capitalização imediata e urgente das empresas, quiçá com garantias europeias, através do Banco de Fomento. Mas assistimos ao inverso”.

Câmara de Vila Verde reclama mais investimento na rede viária

Na conferência da Associação Empresarial do Vale do Homem (AEVH), a presidente da Câmara Municipal de Vila Verde, Júlia Fernandes, defendeu a neces- sidade de melhorar a rede viária “estruturante” no concelho, “, que considera estar “permanentemente adiada pelo Governo.
“A variante à estrada nacional 101 é urgente há já muito tempo, mas não sai do papel”, sinalizou a autarca, que focou a importância de “avançar com o nó de ligação ao parque empresarial de Oleiros”, entre a vila de Prado e aquela área industrial.

Júlia Fernandes adiantou avanços na concretização do eixo periférico Soutelo-Gême, que poderia aliviar a pressão na estrada nacional 101, enquanto não se concretiza a “propalada e adiada Variante”.
Júlia Fernandes aproveitou para reforçar a necessidade de uma boa articulação entre o tecido empresarial, por intermédio da AEVH, e o Município de Vila Verde.

AAntes de avançar com um investimento falem connosco, pois existem espaços pra instalação, isenções de derrama, IMT e outras e apoio técnico do Gabinete do Empreendedor”, referiu a presidente da Câmara Municipal.
Esta foi a primeira do ciclo de três conferências ‘Economia - Pensar o Futuro’ que a AEVH dirige ao tecido empresarial com o intuito de promover informação e esclarecimentos sobre oportunidades e orientações futuras em relação ao Portugal 2030, nos domínios da economia em geral, economia social e turismo.
A próxima conferência vai decorrer em Amares, sobre o tema ‘Economia Social’, estando agendada uma outra para Março, sobre ‘Turismo’ na vila do Gerês, concelho de Terras de Bouro.
Em formato informal de jantar-debate, as conferências estão abertas aos empresários e organismos públicos e privados.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login Seta perfil

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a Seta menu

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho