Correio do Minho

Braga, terça-feira

- +
Karaté: Treinos mantêm-se mesmo com Jogos de Tóquio adiados
“Pintar a Festa” recorda Romaria d’Agonia no Museu de Artes Decorativas

Karaté: Treinos mantêm-se mesmo com Jogos de Tóquio adiados

Paredes de Coura reclama “fato à medida” das necessidades estratégicas das autarquias

Karaté: Treinos mantêm-se mesmo com Jogos de Tóquio adiados

Desporto

2020-03-28 às 15h00

Rui Serapicos Rui Serapicos

Joaquim Gonçalves é director técnico da Federação Portuguesa de Karaté, seleccionador nacional de ‘kata’ e também director técnico da Associação Wado Internacional. Também integra a equipa técnica do SC Braga.

“Não haverá alteração ao plano de preparação. Vamos manter as cargas de treino, com 6 horas para o kata e três horas para o kumite”, garantiu o treinador de karaté do Sporting Clube de Braga e da selecção nacional, Joaquim Gonçalves. O Comité Olímpico Internacional acabava de dar por adiados os Jogos Olímpicos de Tóquio 2020, como prevenção face ao Covid-19.
Tinham sido já cancelados ou adiados torneios de apuramento para os Jogos Olímpicos e os treinos em casa monitorizados à distância, um contexto familiar favorável. Disto nos fala, Joaquim Gonçalves, treinador de karaté com responsabilidades na preparação de duas jovens com aspirações aos Jogos Olímpicos: Patrícia Esparteiro, em kata, e Tânia Barros, em kumite.
Tendo como cenário a situação de incertezas que continua a ser causada pela pandemia, admite que “estamos em isolamento social e apesar de estar autorizada a deslocação de atletas e treinadores no âmbito do Programa de Preparação Olímpico, o acesso às instalações desportivas depende na maioria dos casos de pessoas que não arriscam, por razões de saúde”.
Patrícia Esparteiro, com várias medalhas conquistadas no contexto internacional (foi bronze nos últimos Jogos Europeus em Minsk). Reside na zona do Porto e vinha regularmente a Braga, abrangida pelo Programa de Preparação Olímpico. Este tinha como objectivo “preparar o Torneio de Qualificação Olímpico, primeiro agendado para o início de Maio, mas recentemente adiado para 26 e 28 de Junho, em Paris (que também atravessa problemas terríveis)”.
Referindo-se ainda a Patrícia Esparteiro, explica que “passou a realizar o treino em casa”.
“Grava os treinos e envia-me o vídeo. Eu procedo à análise e observação biomecânica de cada exercício, elaboro o relatório técnico circunstanciado e aproveito as novas tecnologias para dar feedback, corrigir e prescrever novo treino. Desde que nós fomos aconselhados a quarentena obrigatória, temos seguido este procedimento duas vezes por dia”.
Questionado se Tânia Barros pode ter também aspirações a esse nível, concorda:
“Sim, a Tânia Barros também luta por um lugar no torneio de qualificação olímpico. Infelizmente, foram suspensas as últimas provas que pontuavam para o ranking olímpico, a Karaté 1 de Rabat de 13 a 15 de Março e o Campeonato da Europa, entre 25 e 29 de Março, em Baku. Foi igualmente cancelada a última prova antes do torneio de qualificação olímpico, prevista para 17 e 19 de Abril em Madrid. Apesar de todas as condicionantes, a Tânia mantém-se a preparar o torneio de qualificação, seguindo um plano específico na disciplina de kumite”.
É uma disciplina de combate, que precisa de um adversário, o que pode dificultar os treinos, perguntamos. “Ela tem uma família toda dedicada ao karaté. Tem mais uma irmã, também atleta e vive na mesma residência”, responde, lembrando que também o pai pode ajudar.
Neste caso, prossegue, “todo o contexto familiar dela acaba por facilitar” e “o seu trabalho ao nível técnico-táctico, em particular as acções de reacção, que é uma das qualidades predominantes do kumite”.
“Ter a oportunidade de treinar com as irmãs e o pai, é um factor determinante, perante a angústia de não se poder ter acesso ao ginásio”, salienta ainda Joaquim Gonçalves.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho