Correio do Minho

Braga, sexta-feira

- +
Longas filas surpreenderam eleitores que optaram pelo voto antecipado
Município de Famalicão estreita relação com Universidade Católica Portuguesa

Longas filas surpreenderam eleitores que optaram pelo voto antecipado

Mariana Machado corre final europeia como sénior e bate recorde nacional sub-23

Longas filas surpreenderam eleitores que optaram pelo voto antecipado

Braga

2021-01-18 às 06h00

Teresa M. Costa Teresa M. Costa

Voto antecipado para as eleições presidenciais levou ontem milhares de pessoas ao Altice Forum Braga. Votação decorreu sem incidentes, mas com algumas críticas, já que a afluência motivou filas, espera e alguma aglomeração.

Foram muitos os eleitores que se inscreveram no voto antecipado para as eleições presidenciais para evitar aglomerações, no próximo domingo, e que ontem foram surpreendidos pelas filas e por algum tempo de espera no exterior do Altice Forum Braga.
“Inscrevi-me porque pensei que era mais rápido, mas demora-se mais tempo” queixava-se ontem Artur Aguiar que escolheu a hora de almoço para exercer o voto antecipado, numa altura em que as filas juntaram centenas de pessoas para as 11 mesas de voto.

Outra queixa de Artur Aguiar incidiu na falta de distanciamento social entre as diferentes filas, já que a separação das filas, com gradeamento se verificava apenas a partir dos painéis que identificavam cada mesa de voto.
Argumentando que o processo costuma ser mais rápido na Escola Secundária Carlos Amarante, onde é habitual votar, Artur Aguiar mostrou-se decepcionado com a “má organizaçao” do voto antecipado.
A proximidade das filas também foi criticada por Ana Isabel Oliveira, médica de profissão que exerceu o seu direito de voto antecipado porque trabalha no dia das eleições.
Ana Isabel Oliveira não estava a contar com a espera, mas fez questão de cumprir o direito de voto que exerceu, de forma antecipada, pela primeira vez.

Surpreendidos pela afluência, Margarida Morais e Alexandre Lopes criticaram a desorganização das filas, sugerindo umas fitas que garantissem a separação e o devido distanciamento.
O casal votou antecipadamente pela primeira vez. Ela porque é médica e trabalha no próximo domingo e ele porque os dois filhos o obrigam a ficar em casa no dia das eleições.
Pedro Amorim também não contava com tanta aglomeração. Foi aliás, o “medo de aglomerações”, no dia das eleições, que o levou a pedir o voto antecipado que cumpriu pela primeira vez.
“Achava que ia ser menos gente” confessou ao “Correio do Minho” enquanto esperava para votar, o que faz questão de cumprir, assumindo: “nunca falhei nenhuma eleição”.
O casal Maria e Pedro Ribeiro optou pelo voto antecipado “para evitar a confusão” e foi surpreendido pela enorme afluência.

“Tínhamos pensado vir mais cedo, mas é difícil antecipar quando está menos gente” afirmou Maria Ribeiro que fez, no entanto, questão de votar.
“Não estava a contar com esta confusão” admitiu Diogo Araújo, enquanto se juntava a uma das longas filas que se formaram pela hora de almoço.
A opção pelo voto antecipado foi na tentativa de “ter menos gente” justificou, surpreendido pela grande adesão dos eleitores em Braga.
Elísio Araújo também tentou fugir à confusão do dia das eleições, antecipando o voto, mas acabou por enfrentar alguma espera, que se verificou um pouco por todo o país.

Com mobilidade reduzida, por se deslocar em cadeira de rodas, Mário Magalhães, teve prioridade na votação e elogiou o processo
“Correu muito bem e tiveram todos os cuidados” corroborou a esposa, Lídia Magalhães, que também exerceu o direito de voto antecipado.
Miguel Ângelo já antecipava que ia haver muita afluência, mas optou pelo voto antecipado porque está em Braga, deslocado, por motivos de trabalho e não quis deixar de votar.
Patrícia Magalhães também fez questão de cumprir o seu direito de voto. “Mais que um direito, um dever, é um acto de resistência” afirmou, lamentando que a espera das filas possa afastar os eleitores “num tempo cada vez mais impaciente”.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho