Correio do Minho

Braga, segunda-feira

Marinho Gomes distinguido com Medalha de Honra
Vaudeville Rendez-Vous arranca em Barcelos

Marinho Gomes distinguido com Medalha de Honra

Cerveira e Valença criam Centro Intermunicipal de Protecção Civil

Vale do Ave

2019-06-24 às 12h21

Redacção

Antigo comandante dos Bombeiros Voluntários Celoricenses foi homenageado na hora da saída por limite de idade.

A Câmara Municipal de Celorico de Basto distinguiu com a Medalha de Honra do município, o actual presidente da Assembleia Municipal e comandante do Quadro de Honra dos Bombeiros Voluntários Celoricenses, António Marinho Gomes.
A distinção foi proposta na reunião do executivo municipal do passado dia 16 de Maio e foi aprovada por unanimidade.
O homenageado recebeu, ainda , o colar de valor e mérito da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários Celoricenses (AHBVC). “O comandante como será sempre tratado, é um grande homem, um grande bombeiro, um grande amigo e um grande celoricense. Testemunho o seu percurso enquanto autarca, um percurso que presenciei, um percurso incomparável e devo aferir que nunca, durante todos estes anos, desde 1994, tivemos qualquer chatice. É um homem que pauta pela frontalidade, pela determinação e ao mesmo tempo sabe ser sensato, razoável, e que vive este concelho”, disse Joaquim Mota e Silva, presidente da Câmara Municipal de Celorico de Basto.
Mota e Silva acrescentou que não há ninguém a amar mais este concelho como o comandante, “podem amar de igual forma, mas não podem amar mais esta terra, estas gentes, como ama o nosso Toninho Marinho. E esta afeição, esta dedicação, esta forma abnegada de dar tudo por cada um foi uma das razões pelo qual o Executivo da Câmara Municipal deliberou atribuir esta medalha de honra. É uma homenagem mais que justa a um homem que teve uma carreira ímpar de dedicação a Celorico de Basto.”
O presidente da direcção da AHBVC, Fernando Freitas, referiu que esta é “uma homenagem entre os seus homens, colegas, dirigentes, bombeiros, familiares e amigos. Foi há 42 anos que um jovem celoricense, cheio de sonhos, ávido para ajudar o próximo, entrou no quartel dos bombeiro como aspirante, em 1983 passou a bombeiro de 3ª classe e em 1994 foi nomeado 2º comandante. Um percurso exemplar que o levou a comandante, em maio de 1999, cargo que ocupou até 4 de dezembro de 2018 e que culminou por limite de idade, tendo, por isso, passado ao quadro de honra.”
Emocionado, Marinho Gomes agradeceu o apoio dos bombeiros. “Sem estes bombeiros que me apoiaram ao longo destes 42 anos nada seria possível. Foi tudo muito bom e não posso deixar de lembrar o meu trabalho como CODIS, um cargo que me deu muita experiência que fui fundamental para desempenhar as minhas funções da melhor forma”, disse Marinho Gomes.
O Presidente da República enviou uma mensagem de louvor ao homenageado.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.