Correio do Minho

Braga, terça-feira

- +
Mostra Internacional de Cinema Anti-racista passa pelo IPCA
Exposição ‘O meu S. João é do Braga’ é inaugurada hoje no Museu Pio XII

Mostra Internacional de Cinema Anti-racista passa pelo IPCA

Ultimam-se detalhes dos Jogos do Eixo Atlântico

Mostra Internacional de Cinema Anti-racista passa pelo IPCA

Ensino

2024-05-10 às 12h31

Redacção Redacção

IPCA recebe hoje a iniciativa ‘MICAR fora de portas’ no âmbito da Mostra Internacional de Cinema Anti-racista. Vai ser exibido o documentário ‘Debaixo do Tapete’.

Citação

O IPCA - Instituto Politécnico do Cávado e do Ave está no roteiro da Mostra Internacional de Cinema Anti-racista, recebendo hoje, pelas 15 horas, a iniciativa ‘MICAR fora de portas’.
Durante a sessão será exibido o documentário ‘Debaixo do Tapete’, realizado por Carlos Costa e produzido por Catarina Demony, a que se seguirá um debate, em jeito de reflexão, para ajudar a desconstruir o racismo estrutural na sociedade portuguesa e a herança do colonialismo e do tráfico de seres humanos entre os séculos XV e XIX.
Com a visualização do documentário e subsequente conversa com a produtora, que estará presente no IPCA, bem como activistas do Movimento SOS Racismo, a MICAR Fora de Portas pretende “questionar, reflectir e discutir com a comunidade académica as problemáticas do racismo, nomeadamente as suas raízes e consequências na sociedade portuguesa actual”.

O evento, promovido pela SOS Racismo, será dinamizado no IPCA pela Escola Superior de Design, no Auditório Dr. António Martins, e aberto a toda a comunidade.
O documentário ‘Debaixo do Tapete’ conta a história familiar de Catarina Demony ajudou a escrever um dos capítulos mais sangrentos da nossa humanidade: o tráfico transatlântico de seres humanos, legado de marca da expansão portuguesa. Confrontada com esse passado durante a adolescência - através da descoberta de que entre os seus antepassados, os Matoso de Andrade e Câmara, estiveram os maiores comerciantes de pessoas escravizadas em Angola entre o século XVIII e XIX -, a jornalista decidiu enfrentá-lo, em vez de ignorá-lo.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login Seta perfil

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a Seta menu

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho