Correio do Minho

Braga, sexta-feira

- +
Município de Guimarães não poupa esforços para garantir a saúde de todos os vimaranenses
Escola Secundária Alberto Sampaio aos 50 anos: sustentável e multicultural

Município de Guimarães não poupa esforços para garantir a saúde de todos os vimaranenses

Aumento de casos de Covid-19 faz disparar número para 600 testes diários

Município de Guimarães não poupa esforços para garantir a saúde de todos os vimaranenses

Vale do Ave

2021-12-08 às 09h12

Redacção Redacção

Todo o apoio material e logístico necessário será prestado às autoridades de saúde em tempos de pandemia.

Citação

A garantia foi dada por Domingos Bragança, Presidente da Câmara Municipal de Guimarães.

Em declarações aos jornalistas, Domingos Bragança disse que as atuais condições das instalações do antigo Seminário do Verbo Divino estão a ser melhoradas, no sentido de prestar um apoio com mais qualidades a todos quantos necessitem de recorrer ao serviço de vacinação, agora que o Multiusos deixou de ser utilizado. O Presidente da Câmara defende a utilização do Pavilhão do Inatel para vacinar as pessoas com 65 ou mais anos, de forma a proporcionar melhores condições de acesso, mas essa opção terá que obter o aval das autoridades de saúde para poder avançar. “Recordo que todo o processo de vacinação é gerido não pelo Município de Guimarães, mas pelo Plano Nacional de Vacinação, cujo coordenador é o coronel Penha Gonçalves, e que antes era coordenado pela Task Force, com a orientação do vice-almirante Gouveia e Melo. Da nossa parte, estamos disponíveis para prestar todo o apoio, até se necessário na contratação de médicos e enfermeiros, e na disponibilização de instalações”, disse o edil.

Domingos Bragança referiu ainda que o atual espaço no Verbo Divino está a ser sujeito a vários melhoramentos, de forma a garantir um maior conforto na sua utilização, não deixando de lembrar que estava previsto no mês de junho o fecho dos centros de vacinação fora dos Centros de Saúde. “Não regatearemos nenhum esforço para apoiar as autoridades de saúde neste momento particularmente sensível para a saúde pública, sobretudo quando está em causa a saúde dos Vimaranenses. Daremos todo o apoio humano e material que esteja ao nosso alcance, mas esse apoio está sujeito à validação das instituições que lideram o processo”, frisou.

A esse propósito, será novamente instalado o posto de testagem COVID-19 na Avenida Alberto Sampaio que realizará testes rápidos de antigénio (TRAg), de forma a proporcionar o serviço a quem necessite de frequentar os espaços que o exijam, como é o caso do acesso a lares, visitas a utentes em estabelecimentos de saúde e em grandes eventos culturais ou desportivos. Os testes serão comparticipados a 100% até 31 de dezembro pelo Ministério da Saúde, sendo que a Câmara Municipal de Guimarães garantirá o pagamento enquanto o posto não estiver ligado ao sistema informático central. Os testes rápidos também poderão ser feitos em várias farmácias e laboratórios, segundo uma lista disponibilizada pela Autoridade Nacional do Medicamento e Produtos de Saúde, disponível em https://www.infarmed.pt/web/infarmed/infarmed/-/journal_content/56/15786/4965202.

Deixa o teu comentário

Banner publicidade
Banner publicidade

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login Seta perfil

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a Seta menu

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho