Correio do Minho

Braga,

- +
Município de Cabeceiras de Basto homenageou “povo com identidade”
Já foram realizados mais de 45 mil testes e internados mais de 300 doentes Covid

Município de Cabeceiras de Basto homenageou “povo com identidade”

“É preciso aproximar artistas e instituições”

Município de Cabeceiras de Basto homenageou “povo com identidade”

Vale do Ave

2020-09-30 às 12h00

Redacção Redacção

Dia do Município foi uma homenagem à população, que tanto contribuiu para a criação de riqueza, disse o autarca Francisco Alves.

“Mais do que um território nós somos um Povo. Um povo que tem uma identidade própria.” As palavras foram proferidas pelo presidente da Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto, Francisco Alves, ontem, nas comemoraçoes do Dia do Município.
O evento serviu para homenagear todos aqueles que contribuíram para o desenvolvimento do concelho. “Somos um povo rico em história, cultura, usos, costumes e tradições. Uma história recheada de momentos, feitos e factos concretizados por homens honrados e corajosos tão bem personificados na história e na lenda do nosso Basto”, disse Francisco Alves. O autarca lembrou, ainda, os “comerciantes, industriais, e tantos outros empresários que tiveram a coragem de aqui ficar, investir e criar emprego. Somos uma terra de trabalhadores que nos seus empregos dão o seu melhor e tanto contribuem para a criação de riqueza. Somos uma terra de gente da cultura e da educação que colocam o seu conhecimento e saber ao serviço da comunidade”.
O presidente da Assembleia Municipal de Cabeceiras de Basto, Joaquim Barreto, desafiou os cabeceirenses a manterem-se “focados no progresso sem perder de vista a nossa identidade e a sustentabilidade deste território”.
Joaquim Barreto lembrou ainda a os tempos difíceis que estamos a passar, ao referir que “a pandemia que vivemos faz-nos pensar o território de uma outra forma, mais coesa, dando valor ao que realmente importa e à necessidade de criar sinergias locais e regionais conducentes ao bem-estar social.”
Além dos presidentes da Câmara e da Assembleia Municipal, a cerimónia do Dia do Município contou com as presenças de vereadores, do presidente da Junta de Freguesia de Refojos, Outeiro e Painzelae de representantes das forças políticas da Assembleia Municipal. Depois da sessão solene, o Arcebispo de Braga, D. Jorge Ortiga, celebrou a missa na igreja do Mosteiro de S. Miguel de Refojos.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho