Correio do Minho

Braga, quarta-feira

- +
Município de Esposende acolhe iniciativa “Vamos Limpar Portugal - Mãos à Obra!”
Alto Minho “estupefacto” com falta de apoio à Bienal de Cerveira

Município de Esposende acolhe iniciativa “Vamos Limpar Portugal - Mãos à Obra!”

Eixo Atlântico pede explicações sobre electrificação da Linha do Minho

Município de Esposende acolhe  iniciativa “Vamos Limpar Portugal - Mãos à Obra!”

Cávado

2019-09-13 às 20h22

Redacção Redacção

Integrada no "Mãos à Obra", projeto solidário fundado por Inês Durão que consiste na limpeza geral do país, a iniciativa “Vamos Limpar Portugal” tem como locais de incidência as zonas do rio, praia, monte e até a zona urbana, sendo coordenado, a nível concelhio, por Joana Torre e Sara Hipólito.

O Município de Esposende e a empresa municipal Esposende Ambiente vão colaborar com a iniciativa “Vamos Limpar Portugal – Mãos à Obra”, que se realiza no dia 22 de setembro e cujo objetivo é diminuir os efeitos que a poluição tem para o nosso ambiente, limpando o meio onde vivemos.

Integrada no "Mãos à Obra", projeto solidário fundado por Inês Durão que consiste na limpeza geral do país, a iniciativa “Vamos Limpar Portugal” tem como locais de incidência as zonas do rio, praia, monte e até a zona urbana, sendo coordenado, a nível concelhio, por Joana Torre e Sara Hipólito.

Estão identificados vários pontos de encontro para todos os participantes, pelas 10h00, como o edifício dos Socorros a Náufragos, na cidade de Esposende, no centro interpretativo de Vila Chã, no miradouro de Belinho, no acesso à discoteca Pacha, em Ofir e no Barzin, em Cepães.

De resto, já é usual Esposende promover, anualmente, em março, uma grande ação de voluntariado ambiental, através de ações de limpeza do litoral e zonas ribeirinhas do concelho, razão pela qual as entidades municipais prontamente se associaram à iniciativa “Vamos Limpar Portugal – Mãos à Obra!”.

O Município de Esposende e a Esposende Ambiente colaboram na logística da organização, nomeadamente com a entrega de sacos e luvas para a recolha dos resíduos, assim como a recolha e encaminhamento dos mesmos.

Esta postura enquadra-se, de resto, nos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Agenda 2030, da Organização das Nações Unidas, nomeadamente Água Potável e Saneamento, Cidades e Comunidades Sustentáveis, Ação Climática, Proteger a Vida Marinha, Proteger a Vida Terrestre e Parcerias para a Implementação dos Objetivos de Sustentabilidade.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.