Correio do Minho

Braga,

- +
Oradores e enólogos juntam-se para 'Dois dedos de conversa sobre livros e vinho verde'
Solar das Bouças vai receber artistas de outros países

Oradores e enólogos juntam-se para 'Dois dedos de conversa sobre livros e vinho verde'

Estratégia prevê 45 milhões para melhorar habitação de 781 famílias

Oradores e enólogos juntam-se para 'Dois dedos de conversa sobre livros e vinho verde'

Alto Minho

2021-03-02 às 19h13

Redacção Redacção

A 20 e 21 de Março, com moderação de Ana Colaço

No fim-de-semana de 20 e 21 de Março, a Comissão de Viticultura da Região dos Vinhos Verdes (CVRVV) e a editora Aletheia promovem “Dois dedos de conversa sobre livros e Vinhos Verdes”, uma acção que leva a casa dos consumidores um pack com um livro e uma referência de Vinho Verde para acompanhar as dez sessões online que juntam oradores, enólogos e produtores durante cerca de uma hora, com moderação de Ana Colaço.

Com cinco sessões diárias, “Dois dedos de conversa sobre livros e Vinhos Verdes” apresenta uma dezena de títulos nacionais e estrangeiros como “Coração de Cão”, de Mikhail Bulgakov, “O Último Tigre do Rio”, de Jorge Paulino, “A incredulidade de Padre Brown”, de G. K. Chesterton, “Ao Sabor da Bíblia”, do Chef Luís Lavrador, “O Retrato de Dorian Gray, de Oscar Wilde, “Egipto, notas de viagem” de Eça de Queiroz, “Álvaro Cunhal no país dos sovietes”, de Helena Matos (texto) e José Milhazes (legendas), “Noite fantástica”, de Stephan Zweig, “Coração, Cabeça e Estômago”, de Camilo Castelo Branco e “Foi Assim”, de Zita Seabra.

Apresentados por vários oradores, os livros contam com a participação de José Milhazes, Jorge Paulino, Gonçalo de Almada, Luís Lavrador, José António Gonçalves Guimarães, Helena Matos, Zita Seabra e Alexandra Louro a conduzir dois dias de viagem pela literatura em harmonização com os vinhos da Casa da Tojeira, da Adega de Ponta da Barca, do Solar das Bouças, da Quinta de São Gião, da Adega de Ponte de Lima, da Quinta da Raza, da Vercoope, dos Vinhos Norte, da Quinta da Lixa e da Quinta de Lourosa.

Comprovando que o vinho e a literatura são duas artes que se complementam, Ana Colaço assume a moderação de sessões exclusivas em que a conversa vai das letras às notas de prova. Com limite máximo de 50 participantes em cada sessão, “Dois dedos de conversa sobre livros e Vinhos Verdes” tem um custo de inscrição de 20 euros por sessão e inclui o envio para casa de cada participante (despacho incluído para o continente e ilhas) de um pack com uma garrafa do vinho em prova e do livro em apresentação.

“Juntar livros e Vinhos Verdes é uma conjugação natural, pois ambos são produtos de cultura e promovem o debate de ideias e a partilha. Esta acção surge num momento em que entendemos que o sector do vinho deve funcionar como alavanca a outros sectores, como é o caso das editoras que vêem a sua actividade bastante limitada actualmente. Queremos que os consumidores tenham o prazer de receber em casa, com toda a comodidade, um pack com um título interessante e uma garrafa de um vinho da Região para uma viagem em boa companhia”, destaca Manuel Pinheiro, Presidente da CVRVV.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho