Correio do Minho

Braga, quinta-feira

- +
Oriz S. Miguel recria desfolhada e confecciona típica broa de milho
“Preparados para tarefa difícil, para um estilo de jogo britânico”

Oriz S. Miguel recria desfolhada e confecciona típica broa de milho

‘Mulheres de Braga’ procuram sede para combate sem tréguas à violência doméstica

Oriz S. Miguel recria desfolhada e confecciona típica broa de milho

Cávado

2019-10-21 às 10h25

Redacção Redacção

‘Na Rota das Colheitas’, ontem, Oriz S. Miguel regressou ao passado com a recriação da tradicional desfolhada e malhada de milho e, no final, confeccionou a típica e saborosa broa de milho.

O dia de ontem começou chuvoso, mas o ânimo não esmoreceu na freguesia de Oriz S. Miguel, Vila Verde, com a aproximação de mais uma tradicional desfolhada e malhada de milho, a quem o S. Pedro deu tréguas.
A meio da tarde, as broas começaram a sair do forno de lenha, tornando a iniciativa um verdadeiro hino ao ciclo do milho. Tudo à moda antiga e em contexto real, numa casa de campo na Quinta do Gama. O evento foi organizado pela ACRD de Oriz S. Miguel, inserido na programação turístico-cultural ‘Na Rota das Colheitas’, do Município de Vila Verde.

Logo à entrada, era impossível não reparar nas canas de milho expostas ao alto e perfiladas como um exército. No entanto, os orizenses não temeram, colocaram mãos à obra e o numeroso ‘inimigo’ saiu derrotado da ‘batalha’. As espigas foram desfolhadas à moda antiga, com a força dos braços e a vereadora da Cultura do Município de Vila Verde, Júlia Fernandes, também se juntou aos trabalhadores. “Eu aproveito sempre para reviver estas atividades, que me permitem fazer uma viagem pelas memórias de infância e adolescência”, explicou.

Terminada a desfolhada, chegou a hora da segunda investida. Munidos de malhos de madeira, os participantes começaram a bater violentamente nas espigas para soltar o grão. Depois, o milho foi apanhado e limpo nos crivos, tal como mandam os costumes minhotos. As actividades decorreram em ambiente de festa, animadas pelo som das concertinas. “É um verdadeiro hino ao mundo rural, uma autêntica jornada de tradição e Oriz S. Miguel está de parabéns”, elogiou a vereadora Júlia Fernandes.
A broa de milho tradicional, já “foi destacada pela CNN como um dos melhores pães do mundo e aqui faz-se jus a esse reconhecimento”, frisou o presidente do Município de Vila Verde, António Vilela.
O autarca destacou a importância de preservar as tradições do concelho e teceu elogios à freguesia de Oriz S. Miguel que “sempre respondeu muito bem a este desafio e criou aqui momentos únicos”.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.