Correio do Minho

Braga, quarta-feira

- +
Paulo Cunha quer laboratório para realização de testes em Famalicão
Município de Ponte de Lima “ está a fazer história” na área da reabilitação urbana

Paulo Cunha quer laboratório para realização de testes em Famalicão

Estudo da UMinho aponta desequilíbrios da valorização florestal em Portugal

Paulo Cunha quer laboratório para realização de testes em Famalicão

Vale do Ave

2020-03-30 às 12h00

Redacção Redacção

Autarca já se mostrou disponível para suportar os custos de um rastreio geral à população sénior institucionalizada, mas as respostas das entidades remetem para a complexidade da operação.

O presidente da Câmara Municipal de Famalicão quer ver instalado no concelho um laboratório de recolha e análises a testes de rastreio de Covid-19, garantindo que não está a ser assegurada no território a realização dos testes necessários, nomeadamente junto da população idosa institucionalizada e dos funcionários das instituições. O autarca já se disponibilizou para suportar os custos de um rastreio geral à população sénior institucionalizada e para ajudar com tudo o que for necessário do ponto de vista logístico, mas as respostas das entidades de saúde locais remetem para a complexidade da operação e para a operacionalidade ao nível do rastreio e do trabalho consequente que se impõem. “A situação reclama uma intervenção urgente, cada minuto é um minuto a mais, mas a verdade é que não estamos a obter as respostas necessárias por parte das entidades de saúde”, diz Paulo Cunha
O autarca aponta a situação no lar do Centro Social e Cultural de S. Pedro de Bairro que conta com nove utentes positivos, dos 50 residentes e para cinco resultados positivos entre os funcionários. Apesar do foco infeccioso detectado e da vulnerabilidade da população residente, e “apesar dos esforços efectuados”, a câmara municipal foi informada que ainda não foi realizado o rastreio de todos os seniores residentes dada a incapacidade de resposta.
“O município de Famalicão sabe que o ACES - Agrupamento de Centros de Saúde está a diligenciar com a ARS Norte a implementação no concelho de um laboratório convencionado, para realizar colheita dos testes. Peço que o façam com a maior brevidade possível. Estamos inteiramente disponíveis para ajudar, não podemos é esperar que um assunto desta delicadeza fique sem resposta das entidades de saúde”, diz Paulo Cunha.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho