Correio do Minho

Braga, sexta-feira

- +
Primeira fase da reabilitação da antiga Francisco Sanches orçada em 1,7 milhões
Ponte de Lima aprovou empreitada do “Centro Cívico de Gondufe – Parque de Estacionamento”

Primeira fase da reabilitação da antiga Francisco Sanches orçada em 1,7 milhões

Festival Vaudeville Rendez-Vous de regresso para a sétima edição

Primeira fase da reabilitação da antiga Francisco Sanches orçada em 1,7 milhões

Braga

2021-05-15 às 06h00

Marlene Cerqueira Marlene Cerqueira

Maioria da Coligação ‘Juntos por Braga’ deve aprovar segunda-feira, em reunião de câmara, a versão final do projecto de execução para a primeira fase da reabilitação da antiga escola Francisco Sanches.

A Câmara de Braga deve aprovar segunda-feira, em reunião do executivo municipal, a versão final do projecto de execução para a primeira fase da reabilitação da antiga escola Francisco Sanches, sita na Rua D. Pedro V, em São Victor, que vai ser transformada num Centro Cultural.
De acordo com a proposta, a primeira fase de reabilitação do edifício para a criação do Centro Cultural Dr. Francisco Sanches terá um custo estimado de 1.746.871 euros (mais IVA), com um prazo de execução de um ano.
Esta primeira fase da empreitada contempla a requalificação total do piso zero para aí instalar todo o Arquivo Municipal, incluindo o arquivo histórico. Serão criadas salas de consulta e uma biblioteca, uma zona de tratamento e higienização de documentos.

A obra contemplará igualmente a preparação de todas as infra-estruturas para a implementação da segunda fase da reabilitação da antiga escola.
De realçar que a primeira fase integra a reabilitação geral de todo o edifício, concretamente no que se refere a coberturas, fachadas, vãos e arranjos exteriores.
Aprovado o projecto de execução, e tendo já todos os pareceres favoráveis necessários, a obra está apta para concurso público.
Foi em Fevereiro do ano passado que o Município anunciou a criação do Centro Cultural Dr. Francisco Sanches, transformando a antiga escola “num equipamento de referência alinhado com a estratégia cultural da Cidade para 2030 e com a candidatura a Capital Europeia da Cultural em 2027”.

Estima-se que a reabilitação total do edifício e a sua transformação em centro cultural representa um investimento global na ordem dos 4,5 milhões de euros. Na ocasião, a vereadora Olga Pereira, que tutela a Gestão e Conservação de Equipamentos, realçou que o Município irá aproveitar todas as oportunidades de financiamento comunitário que possam surgir.
“Vamos permitir que o público se vá apropriando progressivamente da utilização do edifício, colocando à disposição as zonas que forem ficando disponíveis. Vamos também garantir a continuidade da utilização de algumas das estruturas que já se encontram sediadas aqui e incorporar novas dinâmicas que possam resultar o debate em torno da estratégia cultural 2030”, afirmava, então, Olga Pereira.
Já para a vereadora da Cultura realçou este projecto representa “um passo concreto na definição de uma política cultural para a cidade, que pretende transformar Braga numa cidade ainda mais vibrante e cosmopolita, capaz de responder aos desafios actuais do mundo global”.
“A antiga Francisco Sanches, um ícone da cidade, será um espaço dedicado à criação artística multidisciplinar. Os espaços da capela e do ginásio serão dotados de todas as condições necessárias para a realização de concertos, ensaios, showcases e outros eventos”, disse Lídia Dias. O edifício terá ainda espaços para residências artísticas, de acolhimento de artistas emergentes e irá ainda albergar a Galeria do Eixo Atlântico.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho