Correio do Minho

Braga, sábado

- +
PS animado com mais votos e mandatos
Cerveira: Novo executivo municipal com pelouros atribuídos

PS animado com mais votos e mandatos

Papas de Sarrabulho, Vinho Verde Loureiro e Laranja de Amares deram asas à imaginação de jovens estudantes

PS animado com mais votos  e mandatos

Braga

2021-09-27 às 06h00

José Paulo Silva José Paulo Silva

“Ainda não foi desta. Esperamos daqui a quatro anos conseguir os nossos objectivos, consolidando uma oposição forte e construtiva”, declarou Hugo Pires, cabeça de lista do PS, já na madrugada de hoje, num primeiro comentário aos resultados eleitorais no concelho de Braga.

“Ainda não foi desta. Esperamos daqui a quatro anos conseguir os nossos objectivos, consolidando uma oposição forte e construtiva”, declarou Hugo Pires, cabeça de lista do PS, já na madrugada de hoje, num primeiro comentário aos resultados eleitorais no concelho de Braga.
O deputado, que reeentra na vereação bracarense, destacou o aumento de votos e de mandatos autárquicos, declarando que “o PS assume-se como alternativa à coligação de direita ‘Juntos por Braga’ daqui a quatro anos.
“Começa aqui um novo caminho como oposição construtiva e sempre disponível para resolver o problema dos bracarenses”, disse Hugo Pires, na sede da Federação Distrital do PS, numa altura em que ainda não estão estavam distribuídos os onze vereadores, mas quando já era segura a reconquista de nova maioria absoluta por parte de ‘Juntos por Braga’.

O cabeça de lista do PS comentou que a coligação de direita “baixou muito a votação no concelho de Braga” e que “o PS está a recuperar eleitorado e a sua confiança”, apontando que a renovação do mandato de Ricardo Rio se ficou a dever “à oportunidade”?que o eleitorado costuma dar “para um último mandato”.
Segundo Hugo Pires, “apesar da grande insatisfação, foi dada a Ricardo Rio a possibilidade de não sair pela porta pequena”.

O PS conquistou ontem à coligação ‘Juntos por Braga’ as juntas de Freguesia de Mire de Tibães e Adaúfe e a União de Freguesias de Lomar e Arcos e Nogueira, Lamaçães e Fraião, esta última sujeita a recontagem de votos a pedido da coligação de direita, com menos 38 votos expressos que a candidatura socialista.
A meio da noite eleitoral de ontem, Palmira Maciel, cabeça de lista do PS à Assembleia Municipal de Braga, não escondeu a satisfação pela reconquista daquelas autarquias, ao mesmo tempo que o partido manteve bastiões autárquicos como Real, Dume e Semelhe, Padim da Graça, Sequeira, Cabreiros e S. Julião de de Passos, Ferreiros e Gondizalves.
Lama e Espinho mantêm-se com presidências socialistas, tendo o PS perdido a Junta de Freguesia de Tadim e a União de Freguesias de Celeirós, Aveleda e Vimieiro.

No rescaldo dos resultados eleitorais de ontem fica a expectativa da posição que os eleitos socialistas vão assumir, no novo mandato autárquico, na gestão de grandes autarquias como S. Victor, ganha pelo independente Ricardo Silva, ou nas uniões de freguesias de S. Lázaro e S, João do Souto ou Maximinos, Sé e Cividade, onde a coligação ‘Juntos por Braga’ venceu mas sem maiorias absolutas.
No caso da União de Freguesias de S. Lázaro e S. João do Souto, a cabeça de lista do PS, Marta Ferreira, adiantou ontem que “a retirada da maioria à direita” implicará “um entendimento à esquerda”.
Nesta União de Freguesias, a coligação ‘Juntos por Braga’ obteve seis mandatos, contra cinco do PS, um do Bloco de Esquerda e outro da CDU. Curiosamente, estas duas forças políticas obtiveram obtiveram o mesmo número de votos: 540.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho