Correio do Minho

Braga, quinta-feira

- +
PSP deteve suspeito de oito roubos na cidade
Presidente da Câmara apadrinhou nova ambulância da CVP do Arco de Baúlhe

PSP deteve suspeito de oito roubos na cidade

Fim-de-semana gastronómico destaca o 'Robalo do Mar da Ínsua'

PSP deteve suspeito de oito roubos na cidade

Casos do Dia

2020-01-25 às 06h00

Teresa M. Costa Teresa M. Costa

Em seis meses assaltou várias pessoas na via pública ou no interior de estabelecimentos em Braga. Foi agora identificado e detido pela PSP.

A PSP, através da Esquadra de Investigação Criminal (EIC) de Braga, deteve um homem de 30 anos suspeito da autoria de vários roubos e furtos qualificados perpetrados na cidade de Braga entre Julho e Dezembro do ano passado.
Sob coacção física e, às vezes exibindo uma arma branca, o assaltante abordava as vítimas na rua, nas imediações de caixas multibanco e também no interior de estabelecimentos comerciais, exigindo que lhe entregassem o dinheiro que possuíam e os respectivos telemóveis, descreve a Polícia de Segurança Pública em comunicado.

De acordo com a mesma fonte, o suspeito normalmente agia sozinho, mas por vezes, com a ajuda de outros suspeitos.
As diligências de investigação da PSP levaram à identificação e detenção do suspeito, anteontem, em cumprimento de um mandado, tendo havido reconhecimento pessoal por parte de vítimas e testemunhas.
A PSP dá conta que o suspeito está indiciado pela prática de pelo menos oito crimes que ocorreram entre 20 de Julho e 24 de Dezembro de 2019.
Além de roubos na via pública, é suspeito de roubo e furtos num minimercado, num cabeleireiro e num hotel, refere fonte policial.

A mesma fonte revela que, nos últimos tempos o suspeito pernoitava na cidade do Porto, onde foi interceptado, tendo ali continuado a prática criminal, sendo identificado pela Polícia local, pela prática de vários furtos, desde o início deste ano.
O suspeito já tem antecedentes criminais e estava mesmo com pena suspensa por ilícitos criminais da mesma natureza.
O detido foi ontem presente ao Tribunal Judicial de Guimarães, sendo que vai aguardar o desenrolar do processo em prisão preventiva.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.