Correio do Minho

Braga, terça-feira

- +
PSP vai intensificar fiscalização ao consumo de álcool em espaços públicos
Famalicão: Campanha 'Produto que é nosso' prolongada até 23 de Agosto

PSP vai intensificar fiscalização ao consumo de álcool em espaços públicos

Póvoa de Lanhoso: Biblioteca com serviço online em Agosto

PSP vai intensificar fiscalização ao consumo de álcool em espaços públicos

Braga

2020-07-03 às 06h00

Paula Maia Paula Maia

Nova resolução do Conselho de Ministros proíbe o consumo de bebidas alcoólicas em espaços públicos, pelo que a fiscalização PSP vai fazer-se sentir em locais onde habitualmente há concentrações.

O Comando Distrital da Polícia de Segurança Pública de Braga vai intensificar a fiscalização dos espaços públicos dando cumprimento à nova resolução do Conselho de Ministros, actualizando e adoptando novas medidas para a prevenção, contenção e mitigação ao combate à Covid-19.
Entre as medidas aprovadas salienta-se a proibição de consumo de bebidas alcoólicas em espaços públicos pelo que a PSP vai intensificar a vigilância nos locais onde habitualmente as pessoas se concentram.
A PSP vai dar cumprimento ao novo regime contra-ordenacional já em vigor que estabelece coimas em várias situações.

Assim serão aplicadas coimas quando se registar o incumprimento das regras referentes à ocupação, permanência e distanciamento físico nos locais abertos ao público definidas nas declarações das respectivas situações de alerta, contingência ou calamidade.
A não utilização de máscara ou viseira para acesso ou permanência nos espaços e estabelecimentos comerciais e de prestação de serviços; nos edifícios públicos ou de uso público onde se prestam serviços ou ocorram actos que envolvam público; nos estabelecimentos de ensino e creches; no interior de salas de espectáculos, de exibição de filmes cinematográficos ou similares e nos transportes colectivos de passageiros também será punida coercivamente.

Há também coimas para quem, não cumprir as regras de fornecimento, venda e consumo de bebidas alcoólicas previstas nas declarações das respectivas situações de alerta, contingência ou calamidade.
As coimas são ainda extensíveis à realização de celebrações e de outros eventos que impliquem uma aglomeração de pessoas em número superior ao estipulado nas situações já descritas.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho