Correio do Minho

Braga,

- +
‘Qualidade de Ouro’ para praia Fluvial de Verim
Aluno da UMinho vence concurso internacional de marimba

‘Qualidade de Ouro’ para praia Fluvial de Verim

UMinho: matrículas para os novos alunos serão exclusivamente online

‘Qualidade de Ouro’ para praia Fluvial de Verim

Cávado

2020-05-30 às 06h00

Patrícia Sousa Patrícia Sousa

Pelo sexto ano consecutivo à água da Praia Fluvial de Verim, na Póvoa de Lanhoso, foi classificada com ‘Qualidade de Ouro’. Autarca Avelino Silva destaca “trabalho diário” para que as pessoas possam usufruir de uma “praia acessível e segura”.

A água da Praia Fluvial de Verim, na Póvoa de Lanhoso, foi classificada, pela Quercus (Associação Nacional de Conservação da Natureza) e pelo sexto ano consecutivo, como tendo ‘Qualidade de Ouro’.
“Esta renovação resulta de um trabalho realizado diariamente em articulação com diversos agentes, para que todas as pessoas possam desfrutar de uma praia fluvial acessível, segura, com estruturas de apoio e com qualidade de água reconhecida”, garantiu o presidente da Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso, Avelino Silva.

A Praia Fluvial de Verim, para além da estrutura de apoio que oferece, todos os anos apresenta um programa de animação durante a época balnear.
Este ano, a Quercus identificou 381 praias com ‘Qualidade de Ouro’, sendo que 54 são praias interiores, onde se inclui a Praia Fluvial de Verim.
Àgua balnear com registo da qualidade da água ‘Excelente’ nas cinco épocas balneares anteriores, ou seja, de 2015 a 2019, é um dos critérios para obter a classificação.

“O objectivo da Quercus é destacar as praias que, ao longo de vários anos (cinco), têm apresentado sistematicamente uma água balnear de qualidade excelente (tendo em conta a classificação da legislação em vigor), e que, dessa forma, oferecem assim uma maior fiabilidade no que respeita à qualidade da água”, pode ler-se no comunicado enviado pelo município.
A informação utilizada nesta avaliação é, ainda de acordo com o comunicado do município, “os dados públicos e oficiais disponibilizados pela Agência Portuguesa do Ambiente, tendo apenas em consideração as análises efectuadas nos laboratórios das diferentes Administrações Regionais Hidrográficas do país”.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho