Correio do Minho

Braga,

- +
Quinta Pedagógica recria tradições rurais minhotas com 200 participantes
Aumentam burlas, GNR lança alerta

Quinta Pedagógica recria tradições rurais minhotas com 200 participantes

Semana Gastronómica traz sabores com tradição a Barcelos

Quinta Pedagógica recria tradições rurais minhotas com 200 participantes

Braga

2023-09-28 às 06h00

Marlene Cerqueira Marlene Cerqueira

Quinta Pedagógica realizou ontem a desfolhada e a vindima, recriando tradições rurais minhotas, numa iniciativa que contou com 200 participantes de quatro instituições. No final, o Pingo Doce Braga Parque ofereceu o lanche a todos.

Citação

Cumprindo a tradição, a Quinta Pedagógica de Braga realizou ontem a sua Festa das Colheitas, tendo contado com cerca de 200 participantes na desfolhada e na vindima que se realizaram durante a manhã.
“O recriar das tradições rurais minhotas é um dos objectivos da Quinta Pedagógica e fazê-lo também em contacto com as crianças, com os seniores e com utentes com as necessidades educativas específicas”, referiu Natália Costa, engenheira agrária da Quinta Pedagógica de Braga, que recebeu as crianças e seniores que participaram nestas colheitas.
As crianças, maioritariamente na faixa dos quatro e cinco anos de idade, vieram do Colégio Dom Diogo de Sousa e da Associação São José. Já os seniores vieram do Lar e Centro de Dia Nossa Senhora das Graças e da Academia Sénior de Braga (neste caso, alunos da disciplina ‘Viver o campo’).
“A ideia é proporcionar às crianças um momento na Quinta, em que possam pegar mesmo na espiga, ver como é espiga por dentro, o que é grão de milho e para que serve”, explicou Natália Costa, notando que “hoje em dia as crianças estão um bocadinhos desligadas da natureza” e esta iniciativa permite “reconectá-las com os ciclos de produção dos alimentos, perceber que os alimentos não estão sempre à disposição numa prateleira, perceber que existe uma sazonalidade na produção dos nossos alimentos e também participar numa vindima de forma tradicional”.
A engenheira agrária realça que “hoje em dia, nas crianças com estas idades, já começam a ser raras aquelas que têm esta experiência em casa ou através dos avós. Para a maioria destas crianças esta é uma experiência nova e nós ficamos contentes de lhes poder proporcionar isto”.
Já para os mais velhos, participar nesta Festa das Colheitas é uma oportunidade para recordar tempos da infância e juventude, “o tempo dos trabalhos árduos da agricultura e acima de tudo da lida do campo que era muito manual, pouco mecanizada, com muito esforço físico”.
Natália Costa lembra que antigamente também se fazia esta festa “um bocadinho para aliviar o esforço físico humano que era necessário para se fazer a colheita, quer a desfolhada, quer a vindima”.
Ana Oliveira e Olívia Fernandes acompanharam ontem o grupo de dez seniores do Lar e Centro de Dia Nossa Senhora das Graças que participaram nesta iniciativa com muito entusiasmo. “Eles adoram tudo o que seja saída e ainda mais estas que lhes permitem recordar os seu tempos de infância”, explicaram a animadora e a psicóloga que acompanhavam este grupo que também já tinha participado na desfolhada no Mosteiro de Tibães.
Quem também passou pela Quinta Pedagógica foi o vereador Altino Bessa. “Com esta actividade promovemos um convívio intergeracional e de partilha de experiências, através da recriação dos métodos eram praticados no passado quer na desfolhada, quer nas vindimas”, referiu o vereador que tutela a Quinta Pedagógica
No final dos trabalhos, para retemperar as forças, o Pingo Doce Braga Parque, padrinho da Quinta pedagógica, ofereceu o lanche a todos os participantes.

Deixa o teu comentário

Banner publicidade
Banner publicidade

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login Seta perfil

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a Seta menu

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho