Correio do Minho

Braga, sexta-feira

- +
SC Braga prepara aposta forte no futebol feminino para 2021/22
“Braga tem um público muito exigente que procura ofertas artísticas desafiantes”

SC Braga prepara aposta forte no futebol feminino para 2021/22

Apresentação do Projeto Ciga Giro 8.a Geração no Município de Vila Verde

SC Braga prepara aposta forte no futebol feminino para 2021/22

Desporto

2021-04-15 às 14h00

Ricardo Anselmo Ricardo Anselmo

Nova realidade. Guerreiros querem dominar o futebol feminino nacional e criar impacto na Europa. Várias jogadoras de altíssimo nível já asseguradas. Principais figuras do plantel actual vão manter-se.

Será o maior investimento alguma vez feito no futebol feminino em Portugal. Ao que o Correio do Minho apurou, o SC Braga prepara-se para formar uma equipa dominadora no panorama nacional e capaz de deixar uma boa imagem na Liga dos Campeões.

Nesse sentido, a temporada 2021/22 está há muito a ser preparada, com atenção a todos os pormenores para que o novo caminho que o projecto do futebol feminino vai tomar possa cumprir os objectivos que para ele estão delineados: conquistar o título nacional, vencer a Taça da Liga e a Taça de Portugal e, posteriormente, causar boa impressão na Liga dos Campeões, competição em que o SC Braga já participou, na temporada passada, sucumbindo ao poderio das francesas do Paris Saint-Germain (PSG).

Esse é, de resto, o ponto de partida para se perceber a dimensão do projecto que está a ser pensado por parte da estrutura arsenalista, que quer diminuir esse fosso existente entre os contextos nacional e europeu, sobretudo na comparação com equipas como o próprio PSG, mas também Manchester City, Lyon, Wolfsburgo ou Barcelona, algumas das melhores equipas do futebol feminino mundial.

Confirmadas estão já algumas jogadores de elevado nível para reforçar a equipa (há já uma cara conhecida - ver peça em baixo; e outras têm já compromissos apalavrados e estão também na iminência de rubricarem contrato com o SC Braga) e torná-la competitiva, mantendo as principais figuras do plantel actual.

Quanto ao técnico Miguel Santos, aquilo que o nosso jornal conseguiu apurar é que não há, para já, confirmação de que transite para a temporada 2021/22, sem que isso signifique que a sua continuidade possa estar em causa.

Para além do futebol feminino, a próxima temporada vai também marcar uma aposta declarada nas modalidades, nomeadamente no futsal (ver página 24), que tem já um nome forte para 2021/22 - o pivô brasileiro Elisandro. Outros se seguirão.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho