Correio do Minho

Braga, sexta-feira

- +
Serviços Municipalizados de Viana do Castelo investem na recolha de resíduos
Bombeiros Voluntários de Ponte de Lima: “Parceria estratégica” tem sido um “bom exemplo”

Serviços Municipalizados de Viana do Castelo investem na recolha de resíduos

Agrupamento de Real: Parque informático obsoleto coloca em causa qualidade do ensino

Serviços Municipalizados de Viana do Castelo investem na recolha de resíduos

Alto Minho

2020-01-23 às 18h23

Redacção Redacção

A implementação do eixo rural (compostagem doméstica) está já concluída. Registou uma taxa global de adesão de 83% dos utilizadores contactados com sucesso no período de execução compreendido entre julho de 2018 e outubro de 2019. No total, a implementação do projeto desenvolveu perto de 29 mil ações de contacto, tendo captado um total de 7.355 famílias (o equivalente a perto de 21.500 habitantes) e instalado 7.690 kits de compostagem doméstica no Município.

Os Serviços Municipalizados de Saneamento Básico de Viana do Castelo (SMSBVC) investiram 570 mil euros na aquisição de duas viaturas pesadas para a recolha de resíduos. Assim, ao abrigo de uma candidatura ao PO-SEUR Portugal 2020 foi adquirido um camião para lavagem de contentores, no valor de cerca de 300 mil euros, e um camião de carga lateral para recolha de resíduos, num investimento de 270 mil euros.
O projeto Viana Abraça, lançado em 2018 pela Câmara Municipal de Viana do Castelo, em parceria com os Serviços Municipalizados de Saneamento Básico, pretende reduzir a quantidade de resíduos enviados para aterro, preservando o ambiente e apoiando as instituições de solidariedade social do concelho.
O projeto encontra-se dividido em dois eixos: o eixo rural, que incentiva a separação de resíduos orgânicos através da compostagem doméstica; e o eixo urbano, que incentiva a recolha seletiva de resíduos orgânicos. Estes dois eixos permitem, com a adesão dos vianenses, contribuir para o desvio de resíduos orgânicos do aterro.
A implementação do eixo rural (compostagem doméstica) está já concluída. Registou uma taxa global de adesão de 83% dos utilizadores contactados com sucesso no período de execução compreendido entre julho de 2018 e outubro de 2019. No total, a implementação do projeto desenvolveu perto de 29 mil ações de contacto, tendo captado um total de 7.355 famílias (o equivalente a perto de 21.500 habitantes) e instalado 7.690 kits de compostagem doméstica no Município.
Considerando o número de utilizadores captados no projeto até outubro de 2019 e o coeficiente de fidelização (81%) avaliado no quadro de visitas de acompanhamento aos aderentes, a capacidade de captação de bio-resíduos para valorização orgânica através de compostagem doméstica instalada com a implementação do eixo rural do projeto Viana Abraça ascende a um valor de entre 1.687 a 2.403 toneladas/ano.
As ações de implementação do eixo urbano do projeto Viana Abraça estão em curso desde julho de 2019. Até ao momento, foram instalados 173 contentores de deposição seletiva de bio-resíduos alimentares e captadas 5.449 famílias no projeto, que correspondem mais de 14.000 habitantes da área urbana. Considerando os dados mais recentes, o projeto regista em 2020 uma capitação de recolha seletiva de bio-resíduos de 38 kg/habitante por ano.
Aos benefícios ambientais associados à valorização de bio-resíduos somam-se as vantagens sociais – por cada euro poupado com o desvio de resíduos orgânicos de aterro, a Câmara Municipal junta outro euro para fazer face a necessidades materiais das instituições de solidariedade social do Município.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho