Correio do Minho

Braga, quarta-feira

- +
Theatro Circo recebe 218 mil euros pela gestão do GNRation
CAVI da Pais-em-Rede apoiou 72 pessoas ao longo do primeiro ano de actividade

Theatro Circo recebe 218 mil euros pela gestão do GNRation

Patrícia Esparteiro reforça SC Braga a pensar nos Jogos Olímpicos de 2021

Theatro Circo recebe 218 mil euros pela gestão do GNRation

Braga

2020-02-15 às 08h00

José Paulo Silva José Paulo Silva

Câmara Municipal de Braga discute adenda ao contrato programa com Theatro Circo. Empresa municipal assume, em Julho, a gestão do espaço GNRation.

A vereação bracarense vota segunda-feira, em reunião extraordinária, uma adenda ao contrato-programa de 2020 entre o Município e o Theatro Circo, a qual visa enquadrar a passagem da gestão do espaço GNRation para esta empresa municipal a partir do dia 1 de Julho.
A alteração proposta ao executivo municipal considera um subsídio à exploração para suporte das actividades do GNRation no segundo semestre deste ano no valor de 218 mil euros.
A Câmara Municipal decidiu atribuir ao Theatro Circo a gestão da programação cultural do GNRation, tendo em vista “um melhor aproveitamento das sinergias geradas entre os espaços e actividades culturais sob alçada da sua gestão, permitindo a racionalização de estruturas e meios técnicos e humanos”.
No cálculo do subsídio à exploração para as actividades culturais no GNRation é tida em conta “as poupanças de custos que resultam da gestão integrada deste espaço no contexto da empresa municipal”.
A adenda ao contrato-programa estabelece “a aposta numa programação contemporânea de elevada qualidade, consistente com a estratégia cultural da cidade”, apontando como meta para o segundo semestre deste ano entre 25 e 30 mil espectadores em cerca de seis dezenas de eventos apoiados.
A administração da empresa Theatro Circo, no estudo económico e financeiro de suporte à incorporação das actividades desenvolvidas no GNRation, calcula, para o período 2020-2024, uma poupança efectiva de quase 130 mil euros, atendendo a que “o incremento docontrato-programa decorrente desta operação é inferior ao montante adstrit ao GNRation caso não ocorresse a referida incorporação das actividades”.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho