Correio do Minho

Braga, sábado

- +
Thiago Monteiro é o novo campeão do Braga Open
Nova colecção da UMinho Editora contará com vários temas

Thiago Monteiro é o novo campeão do Braga Open

Agentes de proteção civil da Póvoa de Lanhoso participaram em simulacro

Thiago Monteiro é o novo campeão do Braga Open

Desporto

2021-09-26 às 17h15

Redacção Redacção

Regresso aos títulos para o tenista brasileiro, que não vencia desde janeiro de 2020

Thiago Monteiro é o novo campeão do Braga Open. O tenista brasileiro, de 27 anos, derrotou o sérvio Nikola Milojevic para conquistar o sexto título da carreira no ATP Challenger Tour e manteve a tradição de encerrar com um discurso em português o torneio que a Federação Portuguesa de Ténis organizou pela terceira vez com o apoio da Câmara Municipal de Braga e o Clube de Ténis de Braga.

Número 90 do ranking mundial ATP e primeiro cabeça de série, Thiago Monteiro superou Nikola Milojevic (148.º e quarto pré-designado) por 7-5 e 7-5 em 2h31, numa final muito bem disputada e que contou com a presença de muitos entusiastas na bancada, sobretudo muitos compatriotas do grande favorito ao título.

“Foi muito bom. O court estava cheio, não esperava tanta gente mas a comunidade brasileira é grande e hoje tinha várias bandeiras e camisolas do Brasil. Isso foi algo que me deu bastante motivação e bastante energia, na verdade ao longo de toda a semana eu senti o carinho das pessoas e isso é muito gratificante, então tinha de dar o meu melhor e ter uma boa postura. Fico feliz por também ter conseguido dar-lhes este título”, comentou o novo campeão do Braga Open na conferência de imprensa.

Sobre o encontro, Thiago Monteiro disse ter sido “extremamente difícil, só com dois sets, mas com duas horas e meia e muitos jogos cruciais decididos nos detalhes e quebras para um lado e para o outro” e acrescentou que “prevaleceu a mentalidade positiva e a boa concentração nos momentos chave.”

Por sua vez, Nikola Milojevic considerou que a final foi resolvida “em poucos pontos”, com o adversário a sair por cima nos mais importantes. “No geral, acho que fiz um bom encontro e fui capaz de salvar aqueles set points e regressar ao jogo. No segundo set foi parecido, recuperei da desvantagem para igualar, mas ele serviu melhor, teve mais pontos de borla e isso foi um dos aspetos mais importantes”, acrescentou, concluindo a análise com um balanço positivo: “Estou desapontado, claro, mas joguei melhor esta final do que anterior na Bósnia. Nunca tinha feito duas finais em duas semanas e isso é uma boa consistência, sobretudo porque não estava a fazer uma boa temporada. Esta semana senti-me especialmente bem depois de ter salvo os seis match points na segunda ronda. Vou tentar usar a confiança destes jogos, onde bati muito bons jogadores, para o próximo encontro daqui a dois dias em Lisboa”.

O troféu conquistado este domingo no Braga Open traduz-se no sexto em nove finais para Thiago Monteiro no ATP Challenger Tour e no primeiro em quase dois anos. Mas não há tempo para celebrar: quer o brasileiro, quer o sérvio estão inscritos no Del Monte Lisboa Belém Open, mais um torneio do circuito Challenger que se realiza em Portugal já na próxima semana.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho