Correio do Minho

Braga, segunda-feira

- +
Trabalhos de “muita qualidade” marcam Maratona Fotográfica
Classificação luso-galaica quer preservar pesqueiras ancestrais do rio Minho

Trabalhos de “muita qualidade” marcam Maratona Fotográfica

Novo comandante da corporação é “o homem certo no lugar certo”

Trabalhos de “muita qualidade” marcam Maratona Fotográfica

Vale do Ave

2019-11-13 às 06h00

Redacção Redacção

Associação Caixa de Imagens organizou a 8.ª edição da Maratona Fotográfica de Vila Nova de Famalicão. Evolução dos trabalhos apresentados nos últimos anos “é notável”.

Ângela Oliveira foi a vencedora da 8.ª edição da Maratona Fotográfica de Vila Nova de Famalicão. A Associação Caixa de Imagens (ACI), entidade organizadora deste evento, apostou este ano na realização de um workshop de fotografia, ministrada pelo presidente do júri Carlos Cardoso, uma semana antes de saíram para as ruas de Famalicão com as suas objectivas.
Na abertura da cerimónia de entrega de prémios, o presidente da ACI, Manuel Lima, realçou o facto de terem sido apresentados “trabalhos de muita qualidade”. Apesar das condições meteorológicas no dia da maratona, foram apresentadas “fotografias de elevada qualidade”, garantiu o presidente, referindo que “estes são os desafios da fotografia e dos fotógrafos”.

Da mesma opinião foi presidente do júri, Carlos Cardoso, que parabelizou todos os participantes pelos trabalhos apresentados. Carlos Cardoso aproveitou ainda para parabelizar a ACI que dentro de dois anos organiza a 10.ª edição desta maratona. “Eu fui ver todos os trabalhos que estão para trás e é notável a evolução quer da fotografia quer da cidade de Famalicão”.

Presente na cerimónia esteve também o vereador da Cultura da Câmara Municipal de Famalicão, Leonel Rocha, que se mostrou bastante satisfeito por esta iniciativa elevar a cultura nesta cidade: “a fotografia nem sempre é valorizada como deveria. E a ACI veio colmatar essa lacuna. A cultura em Famalicão fica mais rica quando a complementamos e a prova disso é podermos levar estas fotografias para os museus e demais localidades”.
Para além da jovem Ângela Oliveira, de Braga, que conquistou o primeiro lugar e levou para casa 300 euros, o segundo prémio foi para Carlos Cardoso, natural de Famalicão, que recebeu 200 euros, e o terceiro, Hélder Barbedo, natural de Braga, que recebeu 100 euros.Já Natália Santos, Lara Maia, Luís Costa e Susana Silva venceram as menções honrosas desta oitava edição.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.