Correio do Minho

Braga, quarta-feira

“Tritão-de-Ventre-Laranja” e “Enguia” dão mote a duas exposições
Synergia recebe apoio camarário para Centro de Educação Ambiental

“Tritão-de-Ventre-Laranja” e “Enguia” dão mote a duas exposições

Projecto ‘MyMachine’ concretiza máquinas sonhadas por crianças

Alto Minho

2018-10-17 às 16h06

Redacção

O Aquamuseu do rio Minho volta a disponibilizar duas exposições temáticas dedicadas a espécies diferentes - “Tritão-de-Ventre-Laranja” e “Enguia” -, mas com o mesmo objetivo: proporcionar um conhecimento mais aprofundado de uma parte do património natural existente.

Espécie endémica da metade Oeste da Península Ibérica, os tritões-de-ventre-laranja são anfíbios com cauda que ocorrem na maior parte do território continental de Portugal e possuem uma bela e bem visível coloração laranja vivo na sua região ventral. Até 30 de novembro, o Aquamuseu do rio Minho dispõe desta e outras informações numa pequena exposição bimestral em painéis, onde se descreve as características gerais, habitats e os problemas deste anfíbio que se pode encontrar junto de linhas de água pouco poluídas.
Para este último trimestre de 2018, o Aquamuseu do rio Minho selecionou ainda a enguia como o peixe em destaque. “A Pesca do Meixão no rio Minho” é o nome da exposição que está patente até 31 de dezembro. A mostra proporciona informação sobre as características gerais, distribuição, ameaças, investigação e da pesca do meixão.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.