Correio do Minho

Braga, terça-feira

- +
Um ‘Engenho’ de 30 anos que muito tem feito por Famalicão
Lançada primeira pedra da ERPI de Curvos

Um ‘Engenho’ de 30 anos que muito tem feito por Famalicão

Expectativa da AEB aponta para impacto económico “a superar os 20 milhões”

Um ‘Engenho’ de 30 anos que muito tem feito por Famalicão

Vale do Ave

2024-05-24 às 06h00

Fábio Moreira Fábio Moreira

‘Engenho - Associação de Desenvolvimento Local do Vale do Este’, celebrou aniversário com uma sessão que contou com a ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Maria Ramalho.

Citação

A ‘Engenho - Associação de Desenvolvimento Local do Vale do Este’ celebrou ontem o seu 30.º aniversário. As comemorações dos 30 anos desta instituição contou com a presença da ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Maria do Rosário Palma Ramalho, o presidente da Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão, Mário Passos e o presidente da associação, Manuel Augusto Araújo.
O edil famalicense, durante a sua intervenção na sessão solene, agradeceu à ministra por marcar presença nesta celebração, destacando que a ‘Engenho’ é uma instituição que em muito engrandece o nome de Vila Nova de Famalicão.

“Vila Nova de Famalicão tem uma grande dimensão social e gostaria de agradecer à ministra Maria do Rosário Palma Ramalho por marcar presença neste 30.º aniversário da ‘Engenho’. Esta é uma casa com colaboradores que muito têm feito por esta região e que têm prestado um serviço de excelência a todos os utentes desta instituição. Famalicão é uma das grandes locomotivas do país e a ‘Engenho’ é uma das instituições que muito bom nome traz ao nosso concelho”, garantiu o presidente da Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão, Mário Passos.
Por sua vez, a ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Maria do Rosário Palma Ramalho, frisou sentir uma grande honra em associar-se ao 30.º aniversário da ‘Engenho’.

“É uma honra para mim poder participar na celebração dos 30 anos desta instituição. É preciso notar que 30 anos é muito tempo, muito tempo em prol da população. Foi este briefing que tenho aqui comigo que me motivou a cá vir. Esta é uma instituição única e muito valiosa para Vila Nova de Famalicão e, acima de tudo, é uma instituição que merece ser apoiada em tudo o que precisa”, salientou a ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social.
Já o presidente da direcção da ‘Engenho’, Manuel Augusto Araújo aproveitou esta ocasião para apelar à ministra Maria do Rosário Palma Ramalho que o país e o governo valorizem mais o trabalho que as IPSS realizam em prol da população, frisando sentir um grande orgulho na história da associação.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login Seta perfil

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a Seta menu

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho