Correio do Minho

Braga, quarta-feira

- +
UMinho oferece oito mil brinquedos
Coliseu Pizzaria faz ‘as delícias’ dos clientes com pizzas feitas na hora

UMinho oferece oito mil brinquedos

Mercado romano abre candidaturas

UMinho oferece oito mil  brinquedos

Ensino

2019-12-14 às 08h03

Redacção Redacção

Campanha de recolha de brinquedos ‘Oferece e faz uma criança feliz’ bateu recorde com cerca de oito mil brinquedos entregues a instituições.

A Universidade do Minho volta, este ano, a fazer sorrir muitas crianças da região ao entregar os cerca de oito mil brinquedos recolhidos pela campanha "Oferece e faz uma criança feliz".
A campanha, que decorreu entre 5 de Novembro e 5 de Dezembro, bateu o recorde de brinquedos recolhidos ao totalizar cerca de oito mil, um número muito superior ao 5038 recolhidos no ano transacto e que constituíam o recorde.
Os brinquedos foram ontem entregues a cinco instituições da região do Minho que desenvolvem trabalho junto de crianças carenciadas.
Para além daquelas, este ano, oito dezenas de crianças com necessidades especiais receberão, este ano, um brinquedo adaptado a si.

A campanha “Oferece e faz uma criança feliz!”, que vai já na sua 12ª edição, é organizada pelos Serviços de Acção Social da Universidade do Minho (SASUM), em cooperação com o Núcleo de Robótica do Departamento de Eletrónica Industrial da Universidade do Minho, com o SalusLive - Centro Terapêutico de Braga, e com a Associação Académica da Universidade do Minho (AAUM).
A campanha tem-se alargado a instituições e empresas da região. Este ano, foram vários os pontos de recolha por toda a região norte do país. “Neste ano de 2019 foram 17 as instituições parceiras que apoiaram a causa e reforçaram o seu sucesso”, referiu Heliana Silva em representação dos SASUM, agradecendo a todos os que contribuíram e ajudaram na concretização da acção solidária.

Raquel Cunha do SalusLive, mostrou-se muito satisfeita com os resultados, referindo que os brinquedos serão entregues a crianças individuais (famílias) e a duas instituições, uma de Braga, a '”Dar Asas para Voar” sediada em S. Adrião e outra de Guimarães, a APCG - Associação de Paralisia Cerebral de Guimarães.
A adaptação dos 80 brinquedos só foi possível graças ao espírito solidário de “muitos alunos, de todos os anos do curso Electrónica Industrial da Universidade do Minho”, sublinhou Raquel Cunha, revelando ainda que a “Concentra” voltou a associar-se à campanha.
“Este ano tivemos uma surpresa com a doação, por parte da Concentra, de dez brinquedos electrónicos novos e que serão adaptados e entregues no decorrer da próxima semana”, afirmou Raquel Cunha.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.