Correio do Minho

Braga,

- +
Universidade do Minho em alerta com envelhecimento do corpo docente
12ª edição dos Contornos da Palavra celebra Liberdade

Universidade do Minho em alerta com envelhecimento do corpo docente

Refugiados da Síria e Iraque acolhidos em Fão

Universidade do Minho em alerta com envelhecimento do corpo docente

Ensino

2021-02-26 às 06h00

José Paulo Silva José Paulo Silva

Crítica é a situação situação vivida pela Universidade do Minho pelo não rejuvenescimento do corpo docente. As contratações não compensam as aposentações. A instituição não tem nenhum professor de carreira com menos de 30 anos de idade.

O?envelhecimento do corpo docente da Universidade do Minho “é um problema demasiado grave”, cujos impactos “podem ser fortemente lesivos do projecto da instituição”, alertou o reitor Rui Vieira de Castro, na última reunião do Conselho Geral, na qual foi discutido o relatório “Corpo docente da Universidade do Minho: caracterização, demografia e estratégia de rejuvenescimento”, coordenado por Emília Araújo, do Instituto de Ciências Sociais.
Perante a “situação crítica” que se apresenta nos próximos anos com a aposentação de um número elevado de docentes, o reitor entende que devem ser tomadas medidas de antecipação. “Não podemos esperar que as pessoas se reformem para fazer contratações”, assumiu.

Perante os membros do Conselho Geral, o reitor considerou que um “esforço adicional para fazer recrutamento antes que a saída em massa ocorra” é uma “opção com custos financeiros que tem de ser tomada”.
O relatório apresentado por Emília Araújo releva que 70% do corpo docente da Universidade do Minho tem mais de 50 anos de idade. O envelhecimento do corpo docente expressa-se também no facto de a instituição não ter nenhum docente de carreira com menos de 30 anos. Os professores que estão na faixa etária dos 30 e os 39 anos são apenas 13.
A Universidade do Minho tem actualmente mais de mil docentes ao seu serviço, apontando o estudo de caracterização agora revelado que o número crítico de aposentações registar-se-à nos próximos cinco a dez anos, sendo que, ultimamente, as saídas não foram compensadas por novas contratações.

Se a situação não for invertida, a Universidade do Minho corre o risco de perder capacidade de resposta “em determinadas áreas científicas”, avisa o reitor.
Na reunião da passada segunda-feira do Conselho Geral, a última deste mandato, Joaquim Rocha, docente da Escola de Direito, defendeu “estruturas de integração” dos docentes aposentados, garantindo-se assim que os mesmos mantenham uma ligação activa à Universidade do Minho.
Outra conselheira, Helena Guimarães, sugeriu “a redução da carga horária” como forma de “promover a renovação de quadros”.

Esta professora da Escola de Economia e Gestão considerou também “a maior valorização da actividade de ensino, a criação de sinergias de recursos, a colaboração com outras instituições de ensino superior e a aposta na interdisciplinaridade” como medidas para atenuar o fenómeno do envelhecimento do corpo docente da Universidade do Minho
Sendo esta uma realidade que se estende a outras instituições de ensino superior em Portugal, ela é consequência, na opinião do reitor da Universidade do Minho, de anos seguidos de “políticas públicas de financiamento que foram determinantes para os constrangimentos que no recrutamento”, os quais ainda se mantêm.
Em resultado disso, “sucessivas administrações da Universidade do Minho tiveram limitações para reagir” a um fenómeno que exige agora medidas determinadas. Segundo Joaquim Rocha, a situação a que a Universidade do Minho e outras chegaram em termos de envelhecimento do corpo docente deveu-se “a falta de planeamento, não de dinheiro, a falta de planeamento intergeracional de médio e longo prazo”.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho