Correio do Minho

Braga, terça-feira

- +
Vasco Seabra: “Não existe conforto mas vontade de ganhar”
Braga bateu recorde de vacinação nacional

Vasco Seabra: “Não existe conforto mas vontade de ganhar”

‘Braga Romana à Mesa’ de 19 restaurantes

Vasco Seabra: “Não existe conforto  mas vontade de ganhar”

Desporto

2021-04-17 às 06h00

Carlos Costinha Sousa Carlos Costinha Sousa

Vasco Seabra não quer entrar pelo caminho do facilitismo, por a sua equipa estar tranquila na tabela classificativa e aponta à luta pelo triunfo.

Um Moreirense que, apesar de tranquilo na tabela classificativa da I Liga, não quer entrar pelo caminho do facilitismo e compromete-se a lutar pelo melhor resultado que, face às aspirações que a equipa sempre apresenta, passa por conquistar o triunfo.
E foi essa a ideia apresentada pelo treinador Vasco Seabra, na antevisão à recepção ao Tondela, agendada para as 15.30 horas de hoje. “Para nós, não existe conforto, mas sim vontade de ganhar. A cada jogo que passa, queremos consolidar, construir e ser mais dominadores nos processos ofensivo e defensivo. Temos falado isso com os atletas, que se vão mostrando mais para que as coisas corram da forma pretendida”, sublinhou o técnico, lembrando que a situação actual dos cónegos na classificação geral do campeonato ajuda a tranquilizar, mas ao mesmo tempo não permite relaxar muito.

“Se há necessidade de impor metas mais ambiciosas? Efectivamente, não. Seja qual for o lugar em que estivermos, que foi conquistado pelo grupo de trabalho de forma meritória, sentimos que vamos ser altamente competitivos e queremos olhar para cima para, no final, estarmos orgulhosos pelo que fizemos e ale- gres pela forma como jogamos”.
O Moreirense tem 12 pontos de vantagem sobre a zona de descida, quando restam 24 em disputa, e estão na luta pelo sexto lugar, o último que poderá dar acesso às provas europeias, a par de Vitória Sport Clube e Santa Clara, que se defrontam também nesta ronda.

Vasco Seabra enalteceu o “compromisso interno” do Moreirense, que contabiliza seis empates e uma derrota nos últimos sete jogos em sua casa a contar para a I Liga e vai procurar, frente ao Tondela, a primeira vitória como visitado sob alçada do sucessor de César Peixoto.
“É um desafio importante para nós. Os pontos ficam ainda mais difíceis de conquistar a cada jornada que passa. Vamos ter um oponente difícil, mas temos a ambição de encará-lo com vontade de vencer. Acreditamos que vamos fazer um bom jogo. Serão oito duelos num curto espaço de tempo e precisamos de uma entrega máxima de todos”, apelou.
Pedro Amador, Sori Mané, Pedro Nuno e Derik Lacerda continuam lesionados, enquanto Abdoulaye já debelou uma contu- são no adutor direito e volta às opções de Vasco Seabra.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho