Correio do Minho

Braga, quinta-feira

- +
Viana do Castelo avança com “Reabilitação e Refuncionalização da Praça Viana” por 3,7 milhões de euros
“É um clube ecléctico, de sucesso nacional e reconhecido em termos europeus e mundiais”

Viana do Castelo avança com “Reabilitação e Refuncionalização da Praça Viana” por 3,7 milhões de euros

“Tristeza” marca Centenário

Viana do Castelo avança com “Reabilitação e Refuncionalização da Praça Viana” por 3,7 milhões de euros

Alto Minho

2020-12-04 às 18h12

Redacção Redacção

A intenção da autarquia passa por transformar a antiga arena, com uma área de 3.800 metros quadrados e cerca de 65 metros de diâmetro, numa estrutura multifunções, que sirva o desporto e os jovens, apta para a prática de várias modalidades em simultâneo.

O executivo municipal aprovou a minuta do contrato de execução da empreitada de Reabilitação e Refuncionalização da Praça Viana, empreitada que conta um orçamento de quase 3,7 milhões de euros e com um prazo de execução de 18 meses.
Recorde-se que, no passado mês de junho, foram entregues 11 propostas à empreitada que permitirá a reconversão da antiga praça de touros num ‘campus’ desportivo, para requalificação do edifício e das zonas adjacentes. Assim, este equipamento municipal será refuncionalizado, permitindo que fique ao serviço da formação desportiva e do desporto dos vianenses.
A intenção da autarquia passa por transformar a antiga arena, com uma área de 3.800 metros quadrados e cerca de 65 metros de diâmetro, numa estrutura multifunções, que sirva o desporto e os jovens, apta para a prática de várias modalidades em simultâneo.
De acordo com a memória descritiva do projeto selecionado, este “foi elaborado tendo como base o edifício existente e mantendo as caraterísticas arquitetónicas do mesmo ao nível da fachada exterior e volumetria”. “A forma, a implantação, e a estrutura principal do edifício atual será mantida, mas a função será adaptada à sua vertente desportiva.
O piso térreo contará com áreas comerciais destinadas a comércio e serviços, com acesso pelo exterior e independentes do edifício principal; receção, secretaria e administração; balneários; salas de treino / aquecimento; área de Ginástica Rítmica e Artística / Campo de Jogos; área de Ginástica de Trampolins e Saltos; campo de jogos e área técnica. Já o piso 1 terá bancada de 240 lugares, restaurante, bar, cozinha e instalações sanitárias públicas.
Recorde-se que a reconversão da antiga praça de touros, desativada desde 2009, está integrada no Plano Estratégico de Desenvolvimento Urbano (PEDU), candidatado a fundos comunitários do Portugal 2020.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho