Correio do Minho

Braga, terça-feira

- +
Vizela: Aluno da escola EB 2/3 de Infias infectado com o vírus da Covid-19
APPACDM de Viana do Castelo promove polybat

Vizela: Aluno da escola EB 2/3 de Infias infectado com o vírus da Covid-19

Câmara mantém disponibilidade para ceder Confiança

Vizela: Aluno da escola EB 2/3 de Infias infectado com o vírus da Covid-19

Cávado

2020-09-27 às 08h00

Redacção Redacção

Colegas e professores que estiveram na sala de aula do aluno, nos dias 20 e/ou 21 deste mês, e que partilharam o lanche, foram aconselhados a ficar em isolamento até ao dia 5 de Outubro.

Um aluno da Escola EB 2/3 de Infias está infectado com o vírus da ‘Covid-19’. O caso foi detectado na semana passada, levando a delegada de Saúde de Vizela a determinar alguns procedimentos de segurança sanitária para o estabelecimento de ensino. Entre as normas definidas está a obrigatoriedade dos alunos e professores que estiveram na sala de aula “com o caso confirmado nos dias 20 e/ou 21 de Setembro e os alunos que partilharam lanche” ficarem sob “vigilância activa e isolamento profilático, com confinamento aos respectivos domicílios, até ao próximo dia 05/10/2020 (inclusivamente)”.
A delegada de saúde determinou, ainda, que todos os elementos da comunidade educativa que estiveram na escola nos dias 21 ou 22 deste mês procedam à automonitorização diária dos sintomas compatíveis com a ‘Covid-19’ (febre, tosse, calafrios, falta de ar/dificuldade a respirar, dores no peito, dores de garganta, dores de cabeça, dores no corpo ou outras, cansaço/fraqueza generalizada, obstrução nasal, enjoos, vómitos, diarreia e alterações ou perda do paladar ou do olfato). Devem ainda medir a temperatura corporal duas vezes por dia, respeitar as normas de distanciamento e de desinfecção das mãos, usar máscara e não frequentarem locais com concentração de pessoas.
Caso apresentem sintomas compatíveis com A ‘Covid-19’, os alunos, professores e funcionários devem autoisolar-se de imediato em casa, contactar a Linha Saúde 24 (808242424) e realizar o respectivo teste.
Devem também ser accionadas as medidas alternativas às aulas presenciais, determinou a delegada de saúde de Vizela.
A autarquia vizelense está a acompanhar a evolução da pandemia no concelho, procedendo a uma reavaliação diária.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho