Correio do Minho

Braga, quarta-feira

- +
YMotion encerra com homenagem à actriz Maria João Bastos
Reabilitação da capela-mor da Igreja do Mosteiro de Tibães já está a avançar

YMotion encerra com homenagem à actriz Maria João Bastos

Vira Pop regressa este sábado a Caldelas

YMotion encerra com homenagem à actriz Maria João Bastos

Vale do Ave

2021-11-16 às 09h00

Redacção Redacção

Encerramento decorreu no Centro de Estudos Camilianos e serviu de oportunidade para homenagear a actriz consagrar a curta-metragem ‘Noite Perpétua’.

Citação

Maria João Bastos foi a atriz homenageada na sessão de encerramento da 7.ª edição do YMotion. O festival de cinema jovem terminou no passado fim-de-semana no Centro de Estudos Camilianos, em Seide, numa sessão que contou com a presença do presidente da Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão, Mário Passos, e em que foram atribuídos prémios às melhores curtas-metragens a concurso, com destaque para a consagração do filme ‘Noite Perpétua’ de Pedro Peralta, vencedor do Grande Prémio Joaquim de Almeida.
“Famalicão, capital do cinema jovem de Portugal” é assim que Mário Passos apelida o concelho famalicense, dado o sucesso do festival de cinema no panorama nacional. “A cultura e a democratização da cultura é uma realidade em Famalicão (...) pela nossa capacidade empreendedora, no que respeita às artes” destaca o edil. “Queremos trazer para o território iniciativas que promovam a criatividade dos nossos jovens (...) uma dimensão cognitiva muito importante para que os nossos cidadãos do futuro possam ter um espírito crítico” reforçou Mário Passos.
A homenageada da noite, a atriz Maria João Bastos, que se considera “uma eterna aprendiz da arte”, agradeceu a “bonita homenagem, numa noite tão especial” para o cinema jovem nacional e recordou o início da carreira “da miúda de 12 anos que só queria ser atriz”. “Pensar que vinha aqui ser homenageada, fez-me pensar nestes 35 anos da minha vida, (...) tempo que já dedico a esta minha paixão, feitos de alegrias, de conquistas, de sucessos, mas também feitos de muitas dificuldades, inseguranças, medos, dúvidas, falhas” referiu deixando ainda uma mensagem aos jovens cineastas e artistas: “nunca deixem de sonhar, acreditem nos vossos sonhos e acreditem em vocês”.
 No que refere à competição de curtas-metragens do YMotion, o Prémio do Público foi entregue a ‘Submisso’ de Susana Silva, o de Melhor Direcção de Fotografia a Pedro Peralta, por ‘Noite Perpétua’, o de Melhor Interpretação a Matilde Couso de Arcos, por ‘Noite Perpétua’, o de Melhor Argumento a ‘A Rainha’ de Lúcia Pires, o de Melhor Documentário a ‘Fruto do Vosso Ventre’ de Fábio Silva, o de Melhor Curta de Animação a ‘Kumaru’ de Bruno Maravilha, Tânia Teixeira e Patrícia Santos, e de Escolas Secundárias a ‘Os cães são mais bonitos quando estão molhados’ de Salvador Lobo Xavier.

Deixa o teu comentário

Usamos cookies para melhorar a experiência de navegação no nosso website. Ao continuar está a aceitar a política de cookies.

Registe-se ou faça login Seta perfil

Com a sessão iniciada poderá fazer download do jornal e poderá escolher a frequência com que recebe a nossa newsletter.




A 1ª página é sua personalize-a Seta menu

Escolha as categorias que farão parte da sua página inicial.

Continuará a ver as manchetes com maior destaque.

Bem-vindo ao Correio do Minho
Permita anúncios no nosso website

Parece que está a utilizar um bloqueador de anúncios.
Utilizamos a publicidade para ajudar a financiar o nosso website.

Permitir anúncios na Antena Minho